Marco Fioretti as tendências e desafios dos Dados Abertos na Europa

25 de Outubro de 2011, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

Nesta quinta-feira (27), no I Encontro Nacional de Dados Abertos, haverá um painel sobre a perspectiva internacional dos Dados Abertos. Nele, o palestrante Marco Fioretti, falará do estado atual dos Dados Abertos nos países da União Europeia.

Ele tratará de algumas das mais recentes tendências e desafios relacionados a Dados Abertos enfrentados por administrações públicas, empresas, escolas e cidadãos, não só na Europa, mas em todo o mundo.

Marco Fioretti no IV Consegi

Fioretti é um ativista italiano do software livre e entusiasta dos dados abertos. Ele ensina um curso a distância de cidadania digital, escreveu um capítulo do livro Open Government da editora O'Reilly, e também escreveu o relatório Open Data, Open Society, onde discute a importância dos dados abertos para as administrações locais da União Europeia. Esta é a segunda vez que ele vem ao Brasil neste ano, sendo que a primeira foi para o IV Consegi, em maio.

Também no mesmo painel estarão Daniela Silva, do grupo Transparência Hacker, e Juan Jose Soto, do Ciudadano Inteligente do Chile, que oferecerão uma perspectiva sul-americana dos dados abertos.



Ministra Míriam Belchior fala de Dados Abertos, Encontro Nacional começa amanhã

25 de Outubro de 2011, por Desconhecido - 1Um comentário

Na solenidade de abertura hoje do II Encontro Nacional de Tecnologia da Informação, a Ministra de Estado Míriam Belchior falou sobre a participação do Governo Brasileiro na Parceria Para Governo Aberto, sobre as iniciativas de Dados Abertos em andamento no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão e também sobre o projeto da Infraestrutura Nacional de Dados Abertos (INDA) e seu marco regulatório, a Instrução Normativa que entrou em consulta pública ontem. O Secretário de Logística e Tecnologia da Informação, Delfino Natal de Souza, também reafirmou a importância dos Dados Abertos e reforçou o compromisso do governo brasileiro pela sua disponibilização.

Amanhã começa, no mesmo local, o I Encontro Nacional de Dados Abertos. Algumas das atividades que estão planejadas para o primeiro dia são:

Para esta quinta-feira (27), os destaques são:

Para detalhes e alterações de última hora, confira a programação completa.



Começam hoje os eventos-satélite do OGD Camp 2011

17 de Outubro de 2011, por Desconhecido - 1Um comentário

O "Acampamento" de Dados Abertos Governamentais (OGD Camp) 2011 é o maior evento sobre Dados Abertos Governamentais no mundo. O evento é organizado pela Open Knowledge Foundation e ocorre em Varsóvia, na Polônia, nos dias 20 e 21 (quinta e sexta-feira), e reúne personalidades conhecidas e ativistas de dados abertos de mais de 40 países.

Apesar do evento principal começar só na quinta, as atividades já começaram. Os chamados "eventos-satélite" são encontros paralelos e relacionados que ocorrerão na mesma semana do evento. A maior parte deles será em Varsóvia, na Escola de Ciências Humanas e Sociais, mas haverá outro em Canberra, Austrália, no dia 21, promovido pelo governo daquele país.

Oficina do CKAN

Os eventos-satélite têm um enfoque prático. Alguns deles são oficinas e alguns lidam diretamente com software - há um, por exemplo, sobre o CKAN, o software livre para catalogação colaborativa de dados abertos usado no thedatahub.org. Na oficina do CKAN, serão abordadas desde a instalação, configuração, customização, até o uso da API.

As inscrições custam €30 por dia e os estudantes pagam meia.

Veja as informações sobre a programação dos eventos satélite, ou informações gerais sobre o Acampamento.



Confirmada a presença de Friedrich Lindenberg no I Encontro Nacional de Dados Abertos

15 de Outubro de 2011, por Desconhecido - 0sem comentários ainda

Friedrich Lindenberg

Friedrich Lindenberg é um cientista das mídias sociais que virou programador ao trabalhar em iniciativas de governo e transparência.

Como um desesenvolvedor da Open Knowledge Foundation, ele está contribuindo ao projeto OpenSpending, um esforço internacional para tornar acessíveis dados financeiros. Após apresentar o orçamento do governo da Alemanha em OffenerHaushalt.de em 2010, ele trabalha agora en tecnologias que permitam que os registros de orçamento e de despesas de qualquer Estado ou região sejam visualizados e explorados. No CKAN, um projeto de catálogo de dados voltado à comunidade, Friedrich ajudou a criar portais de dados para várias administrações públicas europeias e trabalha em uma iniciativa para criar um catálogo de dados pan-europeu em publicdata.eu. Ele é também o autor de Adhocracy, um software de criação colaborativa de minutas, usada pela comissão da Internet do Bundestag alemão e vários partidos políticos para permitir que os cidadãos contribuam e votem em documentos de políticas.

No I Encontro Nacional de Dados Abertos, Friedrich falará sobre o CKAN e o Open Spending na palestra "Ferramentas Abertas para Dados Abertos: CKAN e Open Spending".