Ir para o conteúdo
Mostrar cesto Esconder cesto
ou

Software livre Brasil

PSL Brasil

 Voltar a FISL
Tela cheia Sugerir um artigo

O uso do gás Hidroxi no contexto da Revolução Energética

20 de Abril de 2015, 15:23 , por Gabriel Galli - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 714 vezes

Thomas Soares é engenheiro metalúrgico, há mais de 10 anos é divulgador, pesquisador e militante pró energias livres e limpas, além de ser um atuante membro da comunidade software livre e um dos nomes por trás da organização do FISL. Em entrevista concedida ao portal ijui.com, Thomas falou sobre a necessidade de desenvolver tecnologias alternativas ao uso dos combustíveis hidrocarbonetos, o combustível comum, que usa a queima para gerar energia.

Ao lado de Luiz Montanher, Thomas está desenvolvendo uma tecnologia que usa gás Hidroxi (HHO) como catalisador em motores de combustíveis hidrocarbonetos, como por exemplo álcool, gasolina e diesel. O uso dessa nova tecnologia melhora a queima dos combustíveis, melhorando também o rendimento do motor e reduzindo consideravelmente a emissão de poluentes.

O veículo laboratório “modificado” poderá ser visto durante o Fórum Internacional de Software Livre e os desenvolvedores buscam agora saídas comerciais e levar o projeto a um novo patamar, onde o gás Hidroxi não atue apenas como catalisador, mas seja o principal combustível.

Thomas explicou também porque pretende manter o projeto em código aberto e livre, alegando ser esse o único caminho possível, pois com a contribuição da comunidade software livre, a tecnologia pode continuar evoluindo.

Para ter uma clara noção de como a revolução energética pode transformar a sociedade, o funcionamento de sua economia e as relação com o meio ambiente, ouça entrevista completa!

 >> http://migre.me/py7DI <<


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

Eventos de Software Livre no Brasil