Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

Tela cheia

Preview III: Estamos aqui novamente: openSUSE 12.3, Uma história para contar.

13 de Março de 2013, 0:00 , por Carlos Ribeiro - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 97 vezes

O que o Qt 5, Linux 3.8 e LibreOffice possuem têm em comum? Eles não foram liberados a tempo de serem incluídos na nossa distribuição mais recente e estável, openSUSE 12.3. Mas não se preocupe: o poder do Open Build Service vem para o resgate! O rebanho de quase 35 mil Geekos trabalhando no Open Build Service cria uma grande variedade de pacotes para o openSUSE 12.3 e vamos destacar alguns desses neste artigo.


openSUSE 12.3

Mas, primeiro, vamos falar sobre o openSUSE 12.3. Em 20 de dezembro do ano passado, o "Factory" ​​nossa árvore de desenvolvimento, que continha o software mais recente e estável que tinha para oferecer naquele momento, entrou em 'Congelamento de Estabilização ". O objetivo deste congelamento é garantir que as coisas parem de destruir e que se iniciem os respectivos testes, ou seja, a partir de agora, adicionar novas versões dos principais softwares no openSUSE não é permitido sem uma razão fundamental para que esta versão principal a 12.3, seja tão estável, ou mais, como a anterior. As equipes de tradução começam a trabalhar neste momento também. O objetivo de tudo isso é para se certificar de que todo o software colabore corretamente entre si e sejam estáveis. Sem isso, não poderiamos dar-lhe o estável burro de carga que é openSUSE 12.3! Para a maioria dos usuários, o openSUSE 12.3 é um grande produto a oferecer exatamente o que eles precisam: uma ferramenta incrível para começar o trabalho. Estável e confiável, como tudo que você espera de nós.


E você não quer estabilidade?

Mas, às vezes, você precisa de um pacote ou aplicativo mais recente do que o que o que saiu na distribicao. Talvez porque você leu sobre algo legal como kscreen no KDE Planeta e quer experimentá-lo. Ou porque você gostaria de ajudar a testar a nova versão do GNOME. Ou o seu aplicativo favorito é um alvo em movimento continuo sem versão estável para ser incluído. Ou você ama viver no limite, apenas por diversão ...


Você pode fazer isso no openSUSE, mas como o tio do Homem-Aranha disse: "Com grande poder vem grande responsabilidade". As versões estáveis do openSUSE são exaustivamente testadas para ter certeza de que tudo funciona bem e que você não vai encontrar surpresas desagradáveis. Mas os pacotes que você instalar a partir de outras fontes irá joga-lo em um território desconhecido onde os pacotes podem ou não funcionar bem juntos. Nosso zypper, o gerenciador de pacotes e do Open Build Service é utilizado para construir pacotes e provavelmente oferecer o melhor da plataforma disponível, garantindo estabilidade mesmo no caso de ter muitas fontes diferentes - o usuário openSUSE médio tem mais de 10 repositórios. E os riscos podem ser gerenciados. Mas você não pode dizer que não avisei!

Dicas de segurança:

- Estabilidade - Mantenha um bom olho sobre o que seu gerenciador de pacotes está fazendo - quando você pedir para ele instalar um pacote, ele vai fazer o possível para chegar a uma solução que permite a instalação, mesmo que isso signifique desinstalação de pacotes conflitantes. Então, se escolher um pacote que leva a uma proposta de remover metade do seu sistema, pode ser sábio dizer que não quando se pede permissão para continuar ...

- Manutenção - Quando você tem uma escolha, de preferencia aos pacotes a partir dos projetos devel sobre aqueles de usuários individuais. Projetos devel são as oficinas onde os pacotes são preparados antes de aparecerem no openSUSE Factory. Não há garantias, mas muitas vezes os projetos devel são melhor mantidos e mais confiáveis!

-
Segurança - Quando você instala um pacote com o oneclique-installl, o repositório é adicionado e você deve confiar na chave dos desenvolvedores. Uma vez que você tem um monte de repositórios, o comando "zypper dup" pode trocar os pacotes dos repositórios principais para todos os seus outros repositórios adicionados. Isso pode ficar confuso e apresentar alguns problemas de segurança.  Verifique cuidadosamente o que acontece!


The Open Build Service

Então, de onde vêm os pacotes e como obtê-los: O Open Build Service é "um sistema genérico para construir e distribuir pacotes de fontes de forma automática, consistente e reprodutível."

Na vida real, o que significa: OBS é uma plataforma que compila software, pacotes de TI, e coloca-os em um servidor para download manual através de uma página web, ou atraves de seu sistema de distribuição de gerenciamento de pacotes. Ele é gratuito - tanto como em plena licença GPL e desenvolvido em aberto, bem como livre para usar na instância build.opensuse.org patrocinado pela SUSE. Usamos este servidor para desenvolver o openSUSE, e nós e milhares de outros pacotes são construidos lá.

Instalar o software atraves do build.opensuse.org é fácil graças à nossa tecnologia One Click Install. Você não tem que digitar as instruções de linha de comando, como geralmente acontece em outras distribuições - é fácil e rápido. Você pode encontrar a aplicação ou biblioteca que você está procurando com a pesquisa de software na software.opensuse.org e instalá-lo com apenas alguns cliques. Confira o vídeo para uma demo!

 


O software

Algumas aplicações de alto perfil e bibliotecas que não estão no openSUSE 12.3 incluem Qt 5, LibreOffice e, claro, o novo kernel 3.8. Existem também alguns softwares que não são muito adequados para os repositórios oficiais do openSUSE devido ao tamanho ou por outros motivos. Os jogos são um bom exemplo disso, e eles também podem ser encontrados no software.opensuse.org. Vamos acabar com alguns exemplos, não é?

O LibreOffice e outros aplicativos

Pouco depois do congelamento o atualizado LibreOffice foi lançado. Com novas características brilhantes na versão 4.0, como por exemplo, personas (suporte para o Firefox theming), o que acelerou consideravelmente as visualizações multimídia ou controle remoto de sua apresentação a partir de um dispositivo Android. Há também melhorias como melhor qualidade de RTF e importação de arquivos do formato Visio, alem de um melhor desempenho durante as importações de vários outros formatos. Se você não pode viver sem esses recursos e se você estava esperando por eles, existem repositórios do LibreOffice no OBS. A equipe do LibreOffice mantém uma página wiki com informações sobre o que está acontecendo e você também pode obter a suas correções no repositorio do LibreOffice!
categoria de jogos em software.opensuse.org

Jogos a vista...

Os jogos são uma categoria que não é fácil para cobrir dentro de uma distribuição. Por um lado temos jogos off-line com grandes arquivos de dados que precisam ser instalados e por outro lado jogos online que precisam se conectar ao servidor usando as mais recentes APIs e que tem precisam ser atualizados regularmente. Ambos não são bons candidatos para empacotamentos regulares de uma distribuição. Mas não se preocupe, você ainda pode jogar um monte de jogos no openSUSE, eles apenas encontram-se em um repositório separado. A maneira mais fácil de encontrá-los é olhando para dentro da categoria Jogos do openSUSE e escolher o que deseja.

 

Atualização de Desktops: GNOME, KDE e repositórios de desenvolvimento

Você é um grande fã do Gnome? Não pode viver sem as atualizações mais recentes do KDE para ver o que está acontecendo de mais legal? Temos os repositórios do Gnome e KDE para você. Assim, você poderá estar sempre usando a versão mais recente de seu ambiente de trabalho favorito, mesmo que não esteja estável durante a nossa fase de congelamento ou apenas para ter a certeza do fluxo interminável de correções. Mas fique atento, o KDE e Gnome possuem e dependem de um grande número de novas bibliotecas, e podem fazer uma bagunça se você misturar demais. As páginas de wiki acima oferecem dicas suficientes sobre como adicionar o GNOME mais recente e os repositórios do KDE - tenha em mente que o factory pode ser muito instável!

Atualizações do Kernel

O kernel do Linux está se desenvolvendo em ritmo constante, sendo liberado a cada 3-4 meses e atualmente, a versão estável mais recente é a 3.8. No momento de congelamento do openSUSE 12.3, que ainda estava em sua fase de RC (Release Candidate) tivemos muitas questões deixadas para resolver depois. Sendo assim, com o openSUSE 12.3, estamos enviando o a versão do kernel 3.7 altamente estável e exaustivamente testado. Mas claro que temos boas razões para querer um novo kernel - principalmente se estivermos falando de suporte a hardware. Placas de Vídeo e drivers Wi-Fi são particularmente importantes e partes do Kernel do Linux e se você comprou um novo computador recentemente, escolher o repositório com o kernel estável dentro do OBS pode ser uma boa idéia. Tenha em mente que o kernel, sendo uma parte muito central de seu sistema, deve ser atualizado somente se for extremamente necessário, pois pode causar problemas de estabilidade. É sempre uma boa idéia usar essas dicas para manter seu kernel antigo instalado caso seja necessário...


QtCreator e ferramentas de desenvolvimento

Você é um desenvolvedor e quer ver seus aplicativos prontos para o futuro? Ou você quer usar alguma característica nova encontrada apenas nas versões mais recentes de algumas bibliotecas? Não se preocupe se estas ferramentas não eram estáveis ​​no momento do congelamento. Você pode encontrar as últimas versões delas e um grande número de bibliotecas dentro do Open Build Service. Por exemplo, temos um repositório experimental como o Qt 5. Você pode começar a olhar para ele, brincar com o mais novo QML e outras características ou mesmo para apenas verificar a promessa feita pelo projeto qt que diz que a atualização da versão 4 para a 5 seria fácil. Se você pesquisar bastante, você vai ser capaz de encontrar alguém que já está testando Ruby 2.0 em seu repositório pessoal (Sim, um repositório pessoal, de modo experimental, pode ser facilmente quebrado e pode conter sérios bugs. Mas, por outro lado, pode-se esperar que, se há um trabalho em andamento, e que é apenas uma questão de tempo antes que ele seja incluido em algum repositório principal. E se você encontrar problemas, o Open Build Service é como o github para os pacotes: bifurcação e fixação é fácil pacas. Veja algumas dicas neste artigo! Ou se você está interessado no desenvolvimento de sistemas embarcados? OBS também oferece a versão mais recente do compilador AVR. Em alguns projetos você pode encontrar ferramentas de desenvolvimento para MSP430. Mas se você é desenvolvedor e você está desenvolvendo um software que precisa de bibliotecas específicas, há sempre uma opção para se criar uma conta no OBS, obtendo todas as bibliotecas necessárias para seu projeto, empacotando seu próprio software e compartilhando com o mundo!


Maravilhoso

Está tudo ai então. Muitas ecolhas - que é exatamente nosso diferencial, apesar de tudo, e se divirtam bastante.

 

Versao em ingles


Fonte: Carlos Ribeiro

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.