Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

PSL Brasil

 Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

Faculdade de Artes ganha moderno sistema de registro escolar

20 de Abril de 2010, 0:00 , por Software Livre Brasil - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 2219 vezes

A Escola de Música e Belas Artes do Paraná (Embap) é a mais nova beneficiária de uma das mais completas soluções de tecnologia de informação e comunicação para a administração de toda a infraestrutura de ensino.


O novo sistema de registro acadêmico (SERE-IES) permite desde o gerenciamento dos cursos, matriz curricular, sistema de avaliação e oferta de turmas, até o cadastro dos alunos, matrículas, registro de notas e faltas, cadastro de professores, emissão de relatórios de apoio e relatórios oficiais.

Adaptada do Sistema de Registro Escolar (SERE), desenvolvido em 2005 pela Companhia de Informática do Paraná (Celepar) para a Secretaria da Educação, e que hoje atende todas as escolas da rede estadual de ensino, essa solução em software livre foi implantada de forma pioneira na Faculdade de Artes do Paraná (FAP) no final do ano passado.

A customização é fruto da parceria entre a Celepar e a Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) que disponibilizou bolsistas para atuarem na construção do sistema. Coube à FAP a especificação dos serviços que deram origem às principais funcionalidades da solução.

Segundo o analista da Celepar Thales Ramos de Queiroz, o sistema também beneficia diretamente os alunos que agora contam com um portal de serviços on-line, onde estão disponíveis boletins de notas, histórico acadêmico, formulário para renovação de matrícula e consulta de dados cadastrais. “Estes serviços garantem maior conforto ao aluno que tem acesso a todas as informações acadêmicas sem a necessidade de deslocamento até a Secretaria da Faculdade”, destacou Ramos de Queiroz.

Os professores também ganharam mais facilidades com o novo sistema. Agora, eles podem registrar as notas e faltas das disciplinas administradas por ele diretamente no sistema, desafogando o trabalho que antes era feito pelo setor administrativo.

No total, 15 analistas e programadores participaram da construção do sistema, cuja implantação já vem sendo solicitada por outros governos estaduais. A meta da Seti é estender sua implantação nas demais instituições de ensino superior do Paraná até o final do ano.

Fonte Agência de Notícias Governo do Estado Paraná


Tags deste artigo: embap sere celepar registro acadêmico software livre

Eventos de Software Livre no Brasil