Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

 Voltar a Blog
Tela cheia

Empresa nas nuvens

29 de Junho de 2011, 0:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 229 vezes

Já pensou em usar cloud compunting dentro da sua empresa? Os prós e contras de abrigar os dados dentro das nuvens foram apresentados pelos analistas de sistemas do Banco do Brasil, Fulvio Longhi e Lucio Camilo Oliva, em palestra nessa quarta-feira (29), no fisl12.

O cloud compunting consiste em armazenar dados em servidores interligados que podem acessados em qualquer lugar do mundo. Um exemplo é o SaaS (Software as a Service) que é utilizado pela web, como o Google Docs e o Microsoft Sharepoint Online, que não precisam estar em um ambiente físico para ser acessado.

Segundo os palestrantes, uma das principais vantagens de se usar o cloud computing é que o usuário paga apenas memória que usa. Na cloud pública, o usuário paga por um serviço que é compartilhado com outros usuários, o que diminui a segurança. Já na híbrida, o servidor é, ao mesmo tempo, compartilhado e individual. Nesse caso, o usuário pode resolver problemas pontuais no modo privador, e os de interesse geral, no público.

A rede mais segura é a privada, na qual as configurações são apenas de um usuário e é mais segura, pois todas as máquinas estão fisicamente apartadas. Apesar de ter todos os dados virtualizados, a empresa tem seus custos elevados, pois pelo fato de ter um hardware próprio, é preciso manter o serviço de infraestutura com profissionais para a manutenção.

Por enquanto, a enterprise cloud está sendo utilizada em ambiente de desenvolvimento, para mensusar se a infraestutura dos servidores vão suportar os dados. Atualmente, as empresas que fornecem a enterprise cloud são Oracle, IBM e a HP, que lançou lançou em junho de 2011.


Tags deste artigo: cloud computing enterprise cloud

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.