Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

PSL Brasil

 Voltar a FISL
Tela cheia Sugerir um artigo

Maratona de tradução do wiki do OpenStreetMap

12 de Maio de 2014, 16:39 , por Fernando Trebien - 1Um comentário | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 259 vezes

A comunidade do OpenStreetMap (OSM) cresceu muito no Brasil, mas vem enfrentando uma barreira linguística: as páginas em português da referência técnica, o wiki, estão bastante desatualizadas e com uma tradução bastante precária. Por isso, nesta quinta-feira, dia 8 de maio, às 14h, no Harckerspace Dumont, haverá uma maratona de tradução para atualizar essas páginas com base os textos nos artigos originais em inglês. Três participantes do projeto estarão auxiliando os tradutores com questões técnicas como jargão de cartografia e sintaxe de wiki: Wille Marcel, João Packer, e Fernando Trebien.

O OSM compete com sistemas comerciais como Google Maps, Bing Maps e Nokia HERE Maps e é usado pelo Foursquare, pelo Flickr em alguns lugares do mundopela Casa Branca, e vários outrosAlém da qualidade variável e da falta de uma comunidade envolvida com correções no Brasil, mapas comerciais também levantam questões relacionadas à privacidade do usuário e à manipulação das informações cartográficas por interesse comercial.

O OSM já conta no mundo todo com mais de 1 milhão de colaboradores e é considerado o mapa mais completo que existe em alguns países (Inglaterra, Rússia e Alemanha). A cidade do Rio de Janeiro é uma das regiões mais bem mapeadas no mundo, mas a maioria das outras cidades brasileiras ainda precisa de muito detalhamento, de correções e de mantenedores. A tradução da referência então serve para atrair mais colaboradores nativos nessas regiões, facilitando o aprendizado do sistema, e com isso também possibilitando atividades educacionais em diversas áreas de conhecimento, tais como cartografia e urbanismo.


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.

Eventos de Software Livre no Brasil