Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

pm@paulomarcos.com | msg: 74.9110 4596
Jornalismo no Rádio, TV e Internet

http://www.dotpod.com.ar/wp-content/uploads/2008/06/sonico-logo.jpg

 

 

http://static.wix.com/media/1ff96be45122890f6b04ceeaa7dbd2d3.wix_mp

PM no Twitter

404 Not Found

Este perfil não tem posição geográfica registrada.

Paulo Marcos

Paulo Marcos
Pintadas - Bahia - Brasil
 Voltar a Paulo Marcos...
Tela cheia

Feira será uma das atrações do VII EnconASA

28 de Outubro de 2009, 0:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 1439 vezes

Nesta segunda-feira (19) foi realizada a última reunião de preparação do VII Encontro Nacional da Articulação no Semi-Árido Brasileiro (ASA), que acontecerá de 16 a 20 de novembro, em Juazeiro, Bahia. Um dos pontos debatidos foi a realização da feira, que será um dos espaços mais ricos de troca de experiências e de expressão da cultura local.

Visão panorâmica da feira

Visão panorâmica da feira

A previsão é que a feira ocupe 65% da orla II de Juazeiro, à beira do São Francisco. Ao todo, serão 19 barracas onde a população local e os próprios participantes do EnconASA poderão encontrar uma diversidade de produtos trazidos pelos agricultores e agricultores de todos os estados do Nordeste e de Minas Gerais. As barracas serão feitas em sisal, planta típica da região, e em formato de oca.

A feira do VII EnconASA funcionará de 17 a 19 de novembro, todas as noites. Os artistas Roberto Malvezzi, Nilton Freitas, Maviael Melo e as bandas Matingueiros e Samba do Rodeadouro são algumas das atrações culturais que irão se apresentar no local.

A sétima edição do EnconASA, cujo tema é ASA – Construindo Futuro e Cidadania no Semiárido, pretende celebrar os 10 anos da Articulação, avaliar e discutir as novas perspectivas da convivência com o Semiárido dentro do atual contexto sócio-político e econômico. Cerca de 400 pessoas vão participar do evento. Desse total, 151 são agricultores e agricultoras. Seu Juvenal Januário Matos, da comunidade Batateira, no município do Crato, no Ceará, é um deles.

O agricultor já participou de vários intercâmbios dentro e fora do estado, mas não esconde a ansiedade de participar do Encontro Nacional. “A minha expectativa é que esse encontro seja melhor do que os outros”, afirma Seu Juvenal, destacando o compromisso que cada agricultor deverá ter em repassar o que aprendeu para os outros agricultores que não poderão estar presentes no EnconASA. “O importante é prática e não a teoria, por isso, não adianta participar de cursos e mais cursos e não por em prática [o que aprendeu]”, conclui.

Família beneficiária da cisterna de placa

Família beneficiária da cisterna de placa por ASA Brasil.
Foto: Roberta Guimarães

Fonte: Site do EnconAsa


Tags deste artigo: asa água cisterma semiárido brasil nordeste

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.