Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

PRAÇA - CATU - BA

Grafite - Coité - BA

0 comunidades

Nenhum(a)

 Voltar a PAULO ENSEL...
Tela cheia

Jovem catuense gasta salário e dinheiro de férias para realizar sonho de andar de helicóptero

27 de Setembro de 2019, 11:48 , por Paulo Enselmo - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 22 vezes

Um jovem de 24 anos "ficou famoso" na cidade de Catu, região metropolitana de Salvador, após realizar o sonho de sobrevoar o município de helicóptero.

Nilvan Rodrigues da Luz trabalha como repositor de mercadorias em um mercadinho na localidade de Barão de Camaçari. Em entrevista ao G1, o jovem contou que sempre teve o sonho de ver a casa dele da mesma forma que os pilotos de helicópteros viam ao passar no local.

"Desde criança eu me via lá em cima, sonhava em andar de helicóptero. Quando eu via os helicópteros passando, eu saía de casa correndo e achava uma coisa linda. Eu sentia um desejo muito grande de realizar esse sonho", contou Nilvan.

 Baiano realizou sonho de sobrevoar a cidade de Catu de helicópero — Foto: Geovane Souza

Filho de uma dona de casa e de um trabalhador rural, Nilvan conta que sempre acreditou que a realização desse sonho era possível, mesmo que muitos não acreditassem. Ele mora em uma casa simples, na localidade de Dois Riachos, que fica a 3 km do local onde a aeronave posou.

Em julho, o repositor de mercadorias recebeu a notícia de que estaria de férias em setembro, e a encarou como a oportunidade perfeita para realizar o sonho. Nilvan contratou uma empresa de táxi aéreo e conseguiu a liberação da prefeitura da cidade e da Polícia Militar para fazer o pouso em um campo de futebol.

"Eu não tinha nem noção de quanto custava, só queria realizar meu sonho. Liguei para a empresa e perguntei: 'Quanto você cobra para eu realizar meu sonho de andar de helicóptero em Catu?' Ela disse que era R$ 2.500, e eu paguei o meu salário inteiro e o dinheiro das férias", lembrou o jovem.

"A gente foi até Salvador de táxi e lá pegamos o helicóptero. A viagem durou 15 minutos e ficamos mais 30 minutos sobrevoando Catu. Eu pedi para o piloto me levar para ver minha casa, sempre que os helicópteros passam por lá, eu saio e vou admirar. Agora era minha vez de ver a minha casa lá de cima", explicou.

Fonte: G1

 

Tags deste artigo: aereo taxi aeronave pouso voo sonho helicoptero bahia catu cidade jovem

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.