Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil


Cecup – Centro de Educação e Cultura Popular ||| Fórum dos Direitos da Criança e do Adolescentes - Bahia
 Voltar a Blog Gerando...
Tela cheia

Gavião realizou I Conferência Municipal da Criança e do Adolescente

7 de Agosto de 2009, 0:00 , por Software Livre Brasil - 1Um comentário | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 991 vezes

DEU NO CALILA NOTÍCIAS - A notícia que você ouve e lê.
www.calilanoticias.com

A conferência foi organizada pela Secretaria de Ação Social, pelos respectivos membros do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) e também pelos monitores do PETI.

¤ ¤Foi realizada no dia 17 de julho de 2009, a primeira Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, do município de Gavião, tendo como finalidade a Construção de Diretrizes da Política e do Plano Decenal e eleição dos delegados. A conferência foi organizada pela Secretaria de Ação Social, pelos respectivos membros do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) e também pelos monitores do PETI. Houve um bom número de pessoas da comunidade, além de professores, secretários, algumas lideranças políticas, participaram também crianças e adolescentes. Após o credenciamento houve um breve discurso das pessoas que estavam compondo a mesa, o primeiro a falar foi o Secretário de Finanças, Antônio Carlos Cunha, representando a perfeita Benvinda que por motivos superiores não compareceu. 

¤ ¤ Na fala do secretário ficou evidente que a prefeita tem grande preocupação nas questões voltadas para a saúde, educaç ão, segurança e ação social. Em seguida foi a vez da Secretária de Ação Social Ana Leia que falou do amor à sua profissão (professora) e da importância da afetividade no exercício de qualquer profissão, representando o CMDCA, Eriedson Ferreira, presidente do mesmo, manifestou preocupação com a criança e o adolescente em relação as drogas, assunto esse, que também foi presente na fala do vereador Lucivando Lima. Também se pronunciou nesse momento um dos palestrantes do  evento o Promotor de Justiça, Dr. Gilber, este, parabenizou os responsáveis por estarem demonstrando preocupação especial às crianças e aos jovens e também pelo desenvolvimento das ações, citando como exemplo a realização da Conferência.

¤ ¤Os discursos foram encerrados pela Assistente Social Isnara Arapiraca que presta serviços no município. Ela agradeceu a participação de todos e deu ênfase também na questão da proteção infanto-juvenil em seguida leu o r egimento interno da Conferência.

Dando prosseguimento à programação as crianças do PETI juntamente com os monitores fizeram a abertura do evento com uma pequena apresentação tea tral que deixou o público emocionado. A peça retratava a vida de uma criança criada com carinho pela avó e que após perder-la, passa a conviver com alguns parentes sofrendo maus tratos e tendo um final trágico. Após essa encenação o primeiro palestrante o Promotor de J ustiça Dr. Gilber deu início à sua palestra aproveitando o gancho dos discursos anteriores que abordaram a questão das drogas. Dr. Gilber centralizou o seu discurso em torno desse assunto e colocou o Ministério Público à disposição da comunidade para que façam denuncias caso tenha conhecimento de traficantes atuando na cidade, garantindo as essas pessoas o sigilo das informações em relação à proteção das mesmas.

¤ ¤ O segundo palestrante da Conferência foi o sociólogo e antropólogo Márcio Mascarenhas do Projeto Gerando Cidadania do CECUP, sua palestra foi mais direcionada ao sentido explicativo sobre o que é uma conferência e qual a finalidade e resultados obtidos, explicou com clareza os cincos eixos temáticos com os quais os grupos iriam construir as diretrizes. Após essa programação foi servido um delicioso caruru como almoço para todos os presentes, ao retornar as atividades na parte da tarde foi realizado os trabalhos de grupo em seguida as apresentações dos mesmos para a votação das diretrizes e por último foram eleitos os delegados. Após agradecimentos o encerramento foi às 16:30 com um lanche para todos. A conferência foi considerada uma das melhores realizadas na cidade.


Tags deste artigo: criança adolescente bahia gerando cidadania cecup

1Um comentário

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.