Ir para o conteúdo
ou

Logo noosfero

ODF Alliance Award

Furusho

TDF Planet

redirection forbidden: http://planet.documentfoundation.org/atom.xml -> https://planet.documentfoundation.org/atom.xml

BR.Linux.org

redirection forbidden: http://br-linux.org/feed -> https://br-linux.org/feed

Seja Livre!

redirection forbidden: http://sejalivre.org/feed/ -> https://sejalivre.org/feed/

Linux Feed

getaddrinfo: Name or service not known

Computerworld

getaddrinfo: Name or service not known

PC World

getaddrinfo: Name or service not known

IDG Now!

getaddrinfo: Name or service not known

Info

Invalid feed format.

Users SL Argentina

redirection forbidden: http://drupal.usla.org.ar/rss.xml -> https://cobalto.gnucleo.net/rss.xml

Tecno Libres - Cubas

redirection forbidden: http://gutl.jovenclub.cu/feed -> https://gutl.jovenclub.cu/feed

Software Libre Peru

Linux Venezuela

Invalid feed format.

GNU/Linux Paranguay

Invalid feed format.

Soft Libre Honduras

Invalid feed format.

 Voltar a FREE SOFTWAR...
Tela cheia

EUA deixando de ser o dono: CEO da ICANN deseja acelerar transição da IANA para fora do controle governamental

24 de Junho de 2014, 8:30 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 97 vezes

Via idgnow.com.br:

O CEO da Internet Corporation for Assigned Names and Numbers (ICANN), Fadi Chehadé, espera fazer progressos na separação das funções da IANA do governo dos EUA e convencer os críticos de que a organização está no caminho certo, esta semana, em Londres durante a 50ª reunião da entidade, que começou neste domingo e prossegue até quinta-feira.

A ICANN está preparando-se para assumir a administra;cão das funções da Internet Assigned Numbers Authority - IANA (organização que funciona como a máxima autoridade na atribuição dos "números" na Internet - entre os quais estão os números das portas e os endereços IP) e dos servidores centrais de DNS da Agência Nacional de Telecomunicações e Informação (NTIA), administrados até aqui pelo governo dos EUA. Mas a transição está repleta de dificuldades.

“Acho que esta é uma reunião onde a comunidade da ICANN tem que lidar com o fato de que sua relação com o governo dos EUA, que caracteriza o seu nascimento, a sua existência e crescimento, tem agora o seu próprio curso”, disse Chehadé.

Ele espera fazer progressos em várias frentes, incluindo a forma como a transição vai, eventualmente, funcionar. Mas também quer convencer aqueles que querem atrasar o processo de transição de que o mesmo deve ser feito agora. E ainda planeja envolver-se com aqueles que acreditam que os EUA não vão abrir mão do controle, bem como com aqueles que querem substituir o governo dos EUA com uma nova estrutura de supervisão, uma ideia a qual Chehadé se opõe veementemente.

(...) O documento prevê a criação de um Coordination Group, que será responsável por elaborar uma proposta de transição. Ele foi inicialmente denominado de Steering Group, mas o nome foi mudado para refletir melhor o seu papel e o propósito desejado.

O grupo tem que representar todas as partes da comunidade da Internet – governos e organizações civis e técnicas, como a Câmara de Comércio Internacional ou a Internet Engineering Task ForceS. A diversidade geográfica e de gênero também são importantes, de acordo com Chehadé, que fez da internacionalização da ICANN uma prioridade fundamental.

“Não podemos perder mais essa oportunidade – como já estamos fazendo hoje com algumas das nossas estruturas – de ter uma representação sólida de todo o mundo. O processo não pode ser centrado nos EUA ou na Europa”, disse Chehadá.

O grupo terá 27 membros e vai reunir-se pela primeira vez em Londres, a partir de 17 de Julho.

O artigo "EUA deixando de ser o dono: CEO da ICANN deseja acelerar transição da IANA para fora do controle governamental" foi originalmente publicado no site BR-Linux.org, de Augusto Campos.


Fonte: http://br-linux.org/2014/01/eua-deixando-de-ser-o-dono-ceo-da-icann-deseja-acelerar-transicao-da-iana-para-fora-do-controle-governamental.html

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.