Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

Tela cheia
 Feed RSS

Blog

27 de Maio de 2009, 0:00 , por Software Livre Brasil - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.

Ideias para XR-III

21 de Abril de 2020, 19:25, por O Bardo - 0sem comentários ainda

Gostaria de falar um pouco do sistema XR-III, em que estou trabalhando aos poucos. Primeiro que o wiki foi atualizado. Nele você encontra o que já foi publicado, o que está em rascunho e o que está em planejamento (mais maduro, já que tenho muito mais coisas em mente para serem lançadas no futuro).

Uma coisa que me sempre estranhei foi o uso de "raça" em D&D e, por consequência, em um monte de RPGs posteriores. Esse uso errado da palavra parece com o uso de "evolução" no mundo Pokémon no lugar onde caberia muito bem "metamorfose". Para raças, cabem "espécies". XR-III utiliza a "Natureza" para esse tipo de diferenciação. O bom é que serve para espécies de fantasia medieval, espécies alienígenas, mutantes e ciborgues. Qualquer mudança no "normal" que implique em características práticas próprias na ficha e no jogo pode significar uma naturez diferente.

Modo Passatempo

Estou com este conjunto de regras em rascunho, para lançar no futuro. É um sistema de RPG minimalista (um modo de XR-III), que utiliza apenas dados de 6 faces (assim como o Modo Micro), mas com algumas características interessantes:

  1. É centrado nos jogadores. Significa que as rolagens são feitas sempre da perspectiva do jogador. O PC ataca um NPC? Faz-se uma jogada de ataque. O NPC ataca um PC? Faz-se uma jogada de defesa. O dano é calculado como parte dessas jogadas, não há uma rolagem só do dano.
  2. Dado expandido. Esse é o truque que permite que o personagem surpreenda com danos enormes ou resultados incríveis e maravilhosos durante o jogo. A regra é: se o resultado da rolagem for 6, considere como se tivesse sido 5 e role mais uma vez. Se tiver muita sorte, dá pra tirar resultados absurdos. Isso pode ser o dano ou a movimentação.
  3. Uso de tabuleiros. Esqueça os tabuleiros de RPG. Estou falando de tabuleiros baseados em "casas". Ludo, Monopoly, Jogo da Vida... Esse tipo de tabuleiro. A ideia é que a aventura possa ter ação dentro de um tabuleiro desses, com uma descrição de acontecimento, desafio, tesouro, etc, de cada casa (ou de parte delas).

Modo Quintetos

Se o Modo Passatempo tem foco no jogador, este modo (que pode receber u outro nome na versão final) foca na equipe. A equipe também tem uma ficha, com características próprias, que podem ir evoluindo no decorrer da campanha. Este será provavelmente o primeiro modo de XR-III a utilizar o conjunto de dados (até agora, só usam d6). Será um jogo apropriado para equipes de heróis e super sentai (estilo Power Rangers), mas não restrito a elas. Além de regras para robô gigante, um conceito útil que ele trará é o de sósia (pode mudar o nome: dublê? substituto?), que se trata de uma forma de os personagens cujos jogadores estejam faltando terem uma representação reduzida, mas que não impeçam o desfecho da história.

Modo Básico

Ah, o Modo Básico foi lançado este mês e pode ser adquirido de 3 formas:

A capa foi montada com ilustrações do grande artista conterrâneo Frank Kiliel.

Já estão em modo rascunho três ambientações:

  • Animalia - mundo onde ocorre a aventura "O Livro de Nix"
  • Neocan - cyberagreste baseado nos meus cordéis do Lampião Elétrico
  • Sete Ilhas - fantasia medieval e pirataria
Avalie: 
Select rating Give Ideias para XR-III 1/5 Give Ideias para XR-III 2/5 Give Ideias para XR-III 3/5 Give Ideias para XR-III 4/5 Give Ideias para XR-III 5/5
No votes yet


Cordel e RPG

6 de Março de 2020, 0:14, por O Bardo - 0sem comentários ainda

Todo mês tenho publicado 3 livretos! Organizados da seguinte forma:

  1. Um título de Literatura de ​Cordel inédito! (tenho vários já prontos e continuo escrevendo mais. Apoiadores de pelo menos 10 reais mensais poderão me ajudar a escolher o título inédito do mês)
  2. Um título antigo de cordel. Como eu tenho vários cordéis publicados no meu site, sem versão impressa, eu diagramo um título que eu tenha publicado apenas como cibercordel. Pode ser também uma nova impressão de um título impresso esgotado.
  3. Outra coisa. Inicialmente, uma diagramação e edição diferenciada de algum cordel de terceiros, já em domínio público. Depois comecei com a proposta pulpzine, para publicação de conto. Este mês inauguro o XR Zine, para temática de RPG.

Assim sendo, em março os títulos são:

  1. ​Coroa do RPG - primeiro, que é uma coroa. Um conjunto de 14 sonetos (cordelares, neste caso), mas de modo que se você pegar o último verso dos 14 forma um 15º soneto. Segundo, que a temática é RPG. Este cordel tenta explicar o que é RPG e vários conceitos internos. Tudo em poesia.
  2. Asas Negras - um cordel gótico de estética excêntrica e história triste.
  3. O Livro de Nix - com base no sistema XR-III Modo Micro, um RPG infantil. Na verdade, no jargão de XR, é um kit: regras + personagens + aventura pronta. Em um mundo de pessoas que têm traços de animais, um grupo de catinus (povo-gato) adolescentes tem que recuperar um livro de magia roubado pelos caninus (povo-cão). A proposta é que sirva para alguém de juízo (pelo menos adolescente) mestre para crianças.

Além das versões impressas, que podem ser adquiridas diretamente comigo, há a possibilidade de acesso digital. A primeira versão de Asas Negras está no meu site para acesso gratuito como cibercordel. Coroa do RPG e O Livro de Nix estão em processo de publicação como ebook tanto na Amazon (Coroa do RPG) como no Dungeonist (Coroa do RPG).

Quem apoiar os Cordéis do Bardo pode receber como ebook em PDF e ePub o cordel mais recente de cada mês (e outros, se as metas forem sendo atingidas).

No caso de RPG talvez haja no futuro um financiamento coletivo para o XR Zine, para que eu possa concretizar diversas ideias que tenho (incluindo diagramar com ilustrações maneiras de terceiros). Cenários diferentes, outros modos de jogar girando em torno de um mesmo universo conceitual de regras. Aguardem novidades!

Special:
Avalie: 
Select rating Give Cordel e RPG 1/5 Give Cordel e RPG 2/5 Give Cordel e RPG 3/5 Give Cordel e RPG 4/5 Give Cordel e RPG 5/5
Average: 5 (1 vote)


Sistemas Numéricos

25 de Fevereiro de 2020, 21:13, por O Bardo - 0sem comentários ainda

Na escola a gente aprende os números e a Matemática. Geralmente nem se dá conta de que o sistema decimal não é o único sistema possível. mesmo no nosso dia-a-dia temos que fazer contas com conjuntos diferentes. Por exemplo: horas. Quando alguém diz "daqui a 5 horas", não basta somar com a hora atual.  Se já for 20 horas, não existirá 25 horas e sim 1h da madrugada. Se formos para um relógio de ponteiros, 10+5=3.

Os computadores têm sistemas binários, ou seja, tudo com zeros e uns. Isso não é só um jeito poético de falar. São feitas de fato operações matemáticas com números compostos só por zeros e uns. Num universo onde 1+1=10.

Mas o legal é que existem muitos outros sistemas e que podemos criar outros se precisarmos! Então estou aqui hoje apresentando dois sistemas numéricos que considero bem legais:

Sistema Hexatrigesimal

Você já viu algo sobre o sistema hexadecimal? Após o 9 não tem 10 e sim A. E vai até o F. F+1=10. Ou seja, são 16 símbolos numéricos em uso. Alguém pensou: e se continuar? E se formos até o Z? Teremos o hexatrigesimal! São 36 símbolos para representar um dígito! Ou seja, 10 em hexatrigesimal equivale a 36 no sistema decimal. 100 equivalerá a 36², ou seja, 1.296. Já percebeu qual a utilidade?

Para computadores, não é tão útil, mas sim para criarmos números de identificação que precisemos lembrar! Como exemplo, vamos pensar no modelo antigo de placa de carro, que mistura números e letras, mas cada um no seu quadrado. Com 3 letras e 4 dígitos, temos 27.576 códigos possíveis (26³ + 1000). Com apenas 3 dígitos hexatrigesimais poderíamos ter 46.656 placas diferentes (36³)! Placas como 9F2, MU3, 723 e XAT. Percebe o quanto esse sistema é interessante?

Sistema Duodecimal

Este outro pode ser legal se você precisar representar um número entre 1 e 12 (e nunca maior que isso). A solução mais simples para um sistema assim é pegar um fragmento do hexadecimal. Assim, temos de 0 a 9, mais A e B. Para uso em telefones, dá pra usar o * como 10 e o # como 11 que funciona bem. O problema que tive com isso é que nomes de arquivo com letras e com números, ao menos no meu computador, são ordenados separadamente. Então procurei substitutos para os dígitos que representam o 10 e o 11, chegando no seguinte esquema: 0 - 9; ¹, que estou chamando de zen, representa o 10; ², que estou chamando de elf, representa o 11.

Por fim, matematicamente o sistema sexagesmal seria bem difícil de representar com um símbolo por dígito, mas seria muito bom matematicamente. Isso porque 60 é divisível por 2, 3, 4, 5, 6 e 10! O dudecimal é divisível por 2, 3, 4 e 6! Nesse ponto ganham do nosso bom e velho decimal, que é divisível apenas por 2 e por 5...

P. S.: Ilustração do post criada a partir desta imagem.

Avalie: 
Select rating Give Sistemas Numéricos 1/5 Give Sistemas Numéricos 2/5 Give Sistemas Numéricos 3/5 Give Sistemas Numéricos 4/5 Give Sistemas Numéricos 5/5
No votes yet


O Bando da Liberdade

16 de Fevereiro de 2020, 21:54, por O Bardo - 0sem comentários ainda

No mesmo mundo de Lampião Elétrico, um grupo tenta resgatar trabalhadores de fábrica de um regime escravo ganificado. Este é meu 84º cordel: O Bando da Liberdade.

Disponível em versão impressa comigo ou em versão digital na Amazon e no Dungeonist.

Dois mil duzentos e vinte
Em uma grande cidade
Onde tudo é controlado
Com tirania e maldade
A multidão trabalhava
Sem conhecer liberdade

Todo o trabalho era a troco
De uma papa de feijão
Também roupa nem precisa
Pois uniformes lhes dão
O trabalho é sem salário
Apenas por “diversão”

Com um óculos de jogo
A indústria foi transformada
Num bacana videogame
Sem óculos não tem nada
Ele altera a realidade
Com realidade aumentada

As fases são bem difíceis
Tem que ter agilidade
E se morrer nesse jogo
Você morre de verdade
Isso nem tem importância
É só uma fatalidade

Tando no jogo o salário
Dão em ponto virtual
Para abrir fase de bônus
Ganhar uma roupa legal
Mas não dá pra comprar nada
Aqui no mundo real

Este mês também tem pulpzine Aurora de Prata e a versão impressa de A Concha Mágica (com uma capa nova e bonita em xilogravura, do @xilogeek), que pretendo falar mais em outro momento.

Quem contribui mensalmente com os Cordéis do Bardo no Apoia-se ganha sempre os cordéis novos, além de poder opinar na escolha dos próximos títulos a serem lançados!

Special:
Avalie: 
Select rating Give O Bando da Liberdade 1/5 Give O Bando da Liberdade 2/5 Give O Bando da Liberdade 3/5 Give O Bando da Liberdade 4/5 Give O Bando da Liberdade 5/5
No votes yet


Invasão cordel no Dungeonist

26 de Janeiro de 2020, 20:26, por O Bardo - 0sem comentários ainda

Você conhece o Dungeonist? É uma loja de livros físicos e digitais voltada ao mundo dos RPGs! Se você curte RPG (especialmente os independentes) e ainda não conhece o Dungeonist, recomendo que vá correndo pra lá! Já tem bastante conteúdo à venda (muitos também gratuitos) e acredito que seja a tendência para os RPG designers independentes.

Eu mesmo não o conhecia, mas já mergulhei lá. Vai ser o canal de distribuição principal para o XR-III em formato de ebooks. E por estes dias teve a invasão cordel. No mesmo período em que comecei a publicar cordéis por lá (começando, claro, pelos interativos), o perfil Historiart Studio publicou sua coleção Mares do Sertão. Se você gosta de RPG e/ou Literatura de Cordel, confira lá! E além do que falei, você vai encontrar muito mais conteúdo interessante!

Os cordéis (meus ou não) estão a R$ 2,00 cada.

  • Uma Noite no Lago de Jade - cordel interativo de terror. Diagramado como ebook
  • Perdido na Feira - cordel interativo infantil. Diagramado como ebook
  • Lampião Elétrico - cordel cyberagreste. Diagramdo como ebook
  • Mundo Real - RPG minimalista e satírico, diagramado para impressão. Gratuito
  • Jasmim - Novela de aventura, com vários anexos. À venda, mas com preço ajustável pelo freguês
  • Categoria Cordel - a categoria com os cordéis interativos e os dos Mares do Sertão
Special:
Avalie: 
Select rating Give Invasão cordel no Dungeonist 1/5 Give Invasão cordel no Dungeonist 2/5 Give Invasão cordel no Dungeonist 3/5 Give Invasão cordel no Dungeonist 4/5 Give Invasão cordel no Dungeonist 5/5
No votes yet