Ir para o conteúdo
ou

Logo noosfero

ODF Alliance Award

Furusho

TDF Planet

redirection forbidden: http://planet.documentfoundation.org/atom.xml -> https://planet.documentfoundation.org/atom.xml

BR.Linux.org

redirection forbidden: http://br-linux.org/feed -> https://br-linux.org/feed

Seja Livre!

redirection forbidden: http://sejalivre.org/feed/ -> https://sejalivre.org/feed/

Linux Feed

getaddrinfo: Name or service not known

Computerworld

getaddrinfo: Name or service not known

PC World

getaddrinfo: Name or service not known

IDG Now!

getaddrinfo: Name or service not known

Info

Invalid feed format.

Users SL Argentina

redirection forbidden: http://drupal.usla.org.ar/rss.xml -> https://cobalto.gnucleo.net/rss.xml

Tecno Libres - Cubas

redirection forbidden: http://gutl.jovenclub.cu/feed -> https://gutl.jovenclub.cu/feed

Software Libre Peru

Linux Venezuela

Invalid feed format.

GNU/Linux Paranguay

getaddrinfo: Name or service not known

Soft Libre Honduras

Invalid feed format.

 Voltar a FREE SOFTWAR...
Tela cheia

CEO da Jolla confirma ao ZTOP: existe interesse no Brasil, mas não para agora

28 de Fevereiro de 2013, 0:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 774 vezes

O Henrique Martin, do vizinho ZTOP, está no MWC e conversou com o CEO da Jolla, que lhe contou dos planos da empresa para o Sailfish, seu sucessor do MeeGo, com duas fotos de um aparelho rodando o sistema e vários detalhes interessantes, dos quais destaco um trechinho:

Via ztop.com.br:

“Existe espaço para a disruptura no mercado de smartphones, podemos criar muito ainda”, afirmou Dillon. Ele tem em mãos um aparelho antigo, um Nokia N950 que foi distribuído apenas para desenvolvedores no passado, que roda o Sailfish OS. Mostra rápido algumas coisas do sistema, mas o que mais impressionou foi controlar o tocador de música ao apenas tocar no bloquinho da tela principal – pense em widgets com esteróides.
O fato – e nem mesmo o cartão de visitas da Jolla esconde isso – é que o foco inicial da companhia é o mercado chinês (onde o Nokia N9 foi um grande sucesso, por sinal), seguido pela Europa. “E o Brasil, Dillon?”. A resposta foi direta ao ponto: “É grande e importante, conheço um monte de gente lá, mas não é para agora. Vamos começar com China e Europa e depois seguir para o resto do mundo”, conclui.


Fonte: http://br-linux.org/2013/ceo-da-jolla-confirma-ao-ztop-existe-interesse-no-brasil-mas-nao-para-agora/

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.