Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

 Voltar a Blog
Tela cheia

Cidadão de Código Aberto

24 de Abril de 2011, 0:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 233 vezes

AAJU001132

Desde uma conversar do meio do ano passado com o Fábio Petrillo sobre modo de desenvolvimento (produção), Software Livre/Código Aberto e o que como indivíduo para onde ir, tem modificado um pouco a forma de pensar sobre como a filosofia de Software Livre/Código Aberto é muito mais abragente que nosso dia a dia (tecnológico) nos faz pensar.

O Creative Commons é uma demonstração de como a filosofia ou ideologia de Software Livre/Código Aberto abrange um pouco mais do que código, compiladores e servidores.

A cerveja livre (freebeer) também uma outra evidência do Software Livre, mas digamos que ainda não é algo que altere significativamente o modo de produção coletivo, exceto pela embriaguez.. :P

Estava assistindo algumas apresentações do TED sobre astronomia e abri uma apresentação despretenciosamente, era de um polonês radicado nos EUA de nome Marcin Jakubowski, falando sobre agricultura e Open Source Ecology (algo como Ecologia do Código Aberto).

Open Source Ecology? Que??? Como??? Onde???

Pois é, depois do primeiro minuto assistindo o vídeo, reli com a atenção o título da palestra no TED (Open-sourced blueprints for civilization) e deu um estalo: Hã, Isso parece com Open Source Bridge!

Jakubowski apresenta no TED a motivação de "abandonar" a área científica e virar fazendeiro com todas as dificuldades de trabalhar como um agricultor "tradicional". A dificuldade financeira o fez criar engenhosamente máquinas  e equipamentos para agricultura a custo muito mais baixo do que se comprasse no mercado. Ele compartilhou como criar as máquinas, os custos, etc…

Para mim, ele é um Open Source Citzens! Provavelmente deve haver outros projetos e exemplos mais antigos mas o do Jakubowsku é primeiro (que leio) que altera a forma de produção (entenda-se produção não cultural, mas agrícula ou industrial) mais aberta e colaborativa. Paralelamente em Portland, EUA, acontece o Open Source Bridge que é "uma conferência para desenvolvedores que trabalham tecnologias de código aberto e pessoas interessadas em aprender o caminho do código aberto"

No Brasil, Portal do Software Público é uma boa iniciativa mas é restrito ao mundo abstrato (TIC). Se existe iniciativas como Open Source Ecology ou Open Source Bridge no Brasil, confesso que desconheço ainda. Mas entendo que para existir iniciativas assim é preciso que os nerds/geeks trabalhem em outras áreas de conhecimento além do padrão (TIC), ou que as pessoas de outras áreas os provoquem e crie uma sinergia para um trabalho em uma completamente diferente e desafiador.

Ah, estava esquecendo de um trabalho que aconteceu e acontece algum tempo: criação de cisternas em regiões de agricultura familiar. Se não estou enganado, a popularização de cisternas em regiões  de agricultura familiar (especialmente no nordeste) começou  como um projeto universitário. Isso seria o mais próximo de Open Source Citzens.

Outro dia, postei sobre grupo de usuários e voluntariado, ser um Cidadão de Código Aberto é ter a motivação para compartilhar, fazer e colaborar em qualquer campo do conhecimento. Talvez para muito de nós, o domínio da tecnologia informacional já esteja completo ou não represente algum desafio, porém a ainda muito por fazer neste mundão.

Se tiver mais alguns doidos, acho que é possível realizar um Open Source Bridge. Ou você que lê agora, pode se antecipar e começar a organizar. ;)


Tags deste artigo: código aberto · freebeer · opensource · software livre · software publico · ted
Fonte: http://www.midstorm.org/~fike/weblog/2011/04/24/cidadao-de-codigo-aberto/

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.