Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

0 amigos

Nenhum(a)

0 comunidades

Nenhum(a)

binho

A VOZ DA VERDADE

 Voltar a FALA COMUNI...
Tela cheia

ROTEIRO PARA FICÇÃO

25 de Fevereiro de 2010, 0:00 , por Software Livre Brasil - 1Um comentário | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 958 vezes

6. EXTERNA-INTERNA- CINEMA DO MUSEU-DIA

 

 

Cinco meninas chegam com ar de cansadas, duas ficam fora e três entram. Mel se dirige a porta de cinema, Michele e Jacy à bilheteria.

 

 

MEL

 

Não tem ninguém. Vamos embora. [desanimada]

 

MICHELE

 

 

Eu falei para comer primeiro e depois vir para o cinema. [abatida]

 

JACY

 

 

Mel tira uma foto aqui na escada. [cansada]

 

Elas saem do museu                                                                               CORTA

 

 

7. EXTERNA-INTERNA-DIA

 

 

Com fome e cansadas as meninas seguem a procura de um restaurante enquanto isso retira biscoitos da bolsa e se alimentam. Após algumas horas de caminhada finalmente encontram um restaurante com comida fria e já no final. [ imagens das pessoas se alimentando]

 

 

8. EXTERNA- DIA

 

 

RAIANE

 

 

Espera o ônibus aqui, pois eu não suporto mais caminhar. [com raiva e morrendo de dor]

 

 

BRUNA

 

 

Ônibus não pára aqui. [serena]

 

 

MICHELE

Ali tem um ponto. [calma]

 

 

MEL

 

 

Não adianta ficar aqui, é perda de tempo todas esperam um pouco e seguem até próximo ponto. [com raiva]

 

 

 

 

 

 

 

9. EXTERIOR-.   PONTO DE ONIBUS-DIA

 

 

As cinco garotas aguardam o ônibus

que as levara para seus destinos, elas

estão sorridentes. No tem várias outras

pessoas

 

 

MICHELE

 

 

 

Se eu não estou enganada, nosso ônibus deve passar nesse ponto. [preocupada]

 

 

RAIANE

 

 

Espero que não demore, pois não agüento mais a dor de meu pé. [meio irritada]

 

 

O ônibus aponta e uma das garotas dá com a mão. O ônibus pára e apenas as cinco garotas entram no ônibus, e ele parte.

 

 

CORTA PARA

 

 

 

 10. INTERNA- DENTRO DO ONIBUS-DIA                                  

 

Passageiros em silencio, todos acomodados em suas poltronas. As cinco garotas se sentam bem próximas uma das outras.

 

 

BRUNA

 

 

Tem alguma coisa estranha nesse ônibus, ele não tem cobrador. [interrogativa]

 

 

MICHELE

 

 

Realmente, ele tem ar condicionado, e aqui todas as pessoas estão bem vestidas e silenciosas.

 

 

O ônibus para e um dos passageiros paga sua passagem ao motorista e desce.

 

 

MEL

 

 

Nesse instante Michele se levanta, e vai à direção do motorista pedir para parar no próximo ponto.

 

 

MICHELE

 

 

Vamos garota, já chegamos. O ônibus pára as garotas já estão prontas para descer e começam a procurar dinheiro em suas bolsas.

 

 

MICHELE

 

 

A passagem é dois e vinte moço.

 

 

 

MOTORISTA

 

 

Minha senhora, nesse ônibus nós cobramos uma taxa de quatro reais. [sério]

 

 

As garotas se entre olham assustada, e enfileiradas pagam e descem. O ônibus parte. As garotas ficam mudas, sem entender nada.

 

 

 

 

 


Tags deste artigo: ficção roteiro

1Um comentário

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.