Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

PSL Brasil

 Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

Portal Brasil: R$ 11 mi na reformulação

4 de Março de 2010, 0:00 , por Software Livre Brasil - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 1345 vezes

Foi lançada nesta quarta-feira, 03, a versão reformulada do Portal Brasil, serviço criado pelo governo federal em 2005 e que conta com média de 800 mil acessos diários.

A implementação do projeto, desenvolvido pelo Grupo TV1, custou R$ 11 milhões, no contrato do primeiro ano, e envolveu mais de 200 pessoas nas áreas de conteúdo, arquitetura de informação, webdesign, programação, produção de vídeo e infografismo.

Ações centralizadas
O Portal Brasil é mantido pela Secretaria de Comunicação da Presidência República, que assumiu recentemente a coordenação das ações na internet de 260 órgãos entre ministérios, autarquias e empresas estatais.

Segundo informações do site Meio e Mensagem, será adotado o mesmo modelo que já ocorre há quatro anos na relação com as agências de publicidade, através do Sistema Integrado de Comunicação, no qual a Secom define o parâmetro de todas as concorrências.

Conteúdo
Em sua primeira fase de implementação, o Portal Brasil apresenta 12 áreas de conteúdos temáticos: cidadania, saúde, educação, o Brasil, cultura, economia, esporte, geografia, história, meio ambiente e turismo.

No início, serão oferecidos conteúdos segmentados para trabalhadores, estudantes, empreendedores e imprensa.

Há previsão para estendê-los às crianças, idosos, servidores públicos, mulheres e outros públicos.

Mais de 500 serviços integrados, reunindo acessos para conteúdos, estarão disponíveis no Portal.

Entre eles, campanhas de vacinação, previdência privada, restituição da receita federal, imposto de renda, dados demográficos, entre outros.

A versão internacional do portal terá versões em inglês e espanhol. A estrutura de informação deste espaço é baseada na segmentação de perfis com foco na relação de negócios e perspectiva de investimentos e visitas ao país. No início, contam-se perfis para investidores, turistas e estudantes.

Tecnologia

O novo portal utiliza o Plone, CMS de código aberto que é utilizado por empresas como eBay e Motorola, além do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, roda no servidor de aplicações Zope sob programação em Python.

O Plone permite ainda a interação com tecnologias gráficas, como o Flash e Adobe Air, com linguagens de programação como Action Script, PHP, XML e outras que também são utilizadas em mini-sites e aplicativos desenvolvidos no portal

Acessibilidade
O portal tem recursos que ampliam o acesso a deficientes visuais e auditivos.

Para facilitar a leitura, os tamanhos das fontes podem ser ampliados, assim como o trabalho com os contrastes de tela. Há, ainda, programas “tradutores” na versão em áudio para a maior parte dos conteúdos escritos.

Fonte Baguete


Tags deste artigo: governo comunicação federal presidência brasil portal

1Um comentário

Eventos de Software Livre no Brasil