Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

pm@paulomarcos.com | msg: 74.9110 4596
Jornalismo no Rádio, TV e Internet

http://www.dotpod.com.ar/wp-content/uploads/2008/06/sonico-logo.jpg

 

 

http://static.wix.com/media/1ff96be45122890f6b04ceeaa7dbd2d3.wix_mp

PM no Twitter

404 Not Found

Este perfil não tem posição geográfica registrada.

Paulo Marcos

Paulo Marcos
Pintadas - Bahia - Brasil
Tela cheia
 Feed RSS

Paulo Marcos no Rádio, TV e Internet

27 de Maio de 2009, 0:00 , por Software Livre Brasil - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Paulo Marcos, radiojornalista formado em Rádio e TV pela UNEB. Especialista em rádio, TV e comunicação digital junto a jovens e lideranças do movimento social. Coordenador da Rádio Barreiros/ADASB. É empreendedor individual e através da produtora NaCangaia presta serviços nas áreas de vídeo, fotografias e radiojornalismo.

Após 13 anos de luta contra o câncer, José Alencar morre em São Paulo aos 79 anos

29 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda
29/03/2011 – 14h55 – UOL 

Após 13 anos de luta contra o câncer, José Alencar morre em São Paulo aos 79 anos

Do UOL Notícias
Em São PauloDepois de lutar por mais de 13 anos contra o câncer, o ex-vice-presidente da República José Alencar morreu na tarde desta terça-feira (29), aos 79 anos, em São Paulo. A informação foi confirmada pela equipe médica.

Nesse período ele foi submetido a 17 cirurgias, perdeu um rim, dois terços do estômago e partes dos intestinos delgado e grosso. Alencar era casado com Mariza Campos Gomes da Silva, pai de três filhos –Josué Christiano, Maria da Graça e Patrícia — e avô de cinco netos (em 2001 ele passou a responder a um processo de reconhecimento de paternidade ajuizado por Rosemary de Moraes).

Veja imagens da trajetória de Alencar

Foto 42 de 73 – O vice-presidente, José Alencar, durante entrevista, em Brasília Mais Sérgio Lima – 8.jan.2009/Folha Imagem

O quadro clínico do empresário que ajudou a eleger Lula em 2002 e em 2006 piorou três dias antes do último Natal, quando foi internado com urgência após uma nova hemorragia abdominal provocada pelo tumor no intestino. Os médicos contiveram o sangramento, mas não puderam retirar os tecidos comprometidos pela doença, impedindo o político mineiro de se despedir do cargo em Brasília e de participar da posse da presidente Dilma Rousseff.

De dezembro até os primeiros meses de 2011, o ex-vice voltou a ser internado diversas vezes, sempre em situação muito grave (veja histórico abaixo). Cirurgias foram descartadas nas últimas internações devido ao estado delicado de sua saúde.

Em novembro de 2009, Alencar garantiu que se a saúde permitisse seria candidato ao Senado. No início do ano passado, cogitou tentar o governo de Minas Gerais. Porém, em abril, afirmou que não disputaria cargos por estar em tratamento de quimioterapia contra o câncer.

“Decidi não me candidatar a nada. Vou cumprir o meu mandato até o último dia, se Deus quiser, e descer a rampa da mesma forma que subi. Subi a rampa com ele [Lula], vou descer com ele. Ele também não se afastou, vamos juntos”, disse na ocasião. Proibido pelos médicos, ficou no hospital enquanto Dilma e seu sucessor, Michel Temer, recebiam o cargo no Palácio do Planalto.

Histórico

Os problemas do ex-vice-presidente com o câncer começaram em 1997, quando descobriu dois pequenos tumores malignos no rim direito e no estômago. Na ocasião, Alencar foi operado no mesmo dia.

Submeteu-se a duas cirurgias –em 2000 e 2002– para tratar de um câncer da próstata. Em 2006, foi a vez de um tumor retroperitonial (atrás da membrana serosa que recobre as paredes do abdome e a superfície dos órgãos digestivos).

Em outubro de 2007 Alencar foi operado novamente do tumor no retroperitônio. Numa revisão da cirurgia em 20 de dezembro, foi detectado um “ponto minúsculo” na mesma região, e os médicos decidiram fazer sessões de quimioterapia para combatê-lo.

Entre 12 e 19 de janeiro de 2008, ficou internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, por conta de uma infecção decorrente da quimioterapia. Recebeu alta aparentando fragilidade, mas com otimismo. Na ocasião, disse que queria almoçar em uma churrascaria.

Depois disso, voltou a ser hospitalizado outras vezes para ser submetido a tratamentos de quimioterapia. No dia 26 de julho de 2008, Alencar admitiu em uma entrevista coletiva que estava novamente com câncer. Ele disse a jornalistas, em Brasília, que exames de rotina feitos em São Paulo mostraram “uma recorrência”.

Rezem por mim, o negócio está feio

Alencar, em 6 de janeiro de 2008

Na ocasião, ele descartou a possibilidade de se afastar temporariamente da Vice-Presidência da República.

Em janeiro de 2009, enfrentou cerca de 17 horas de operação para a retirada de nove tumores na região abdominal. Na mesma cirurgia, os médicos retiraram parte do intestino delgado, outra do intestino grosso e uma porção do ureter, canal que liga o rim à bexiga. Alencar ficou internado 22 dias após a operação.

Já em maio do mesmo ano, novos exames apontaram o retorno de tumores malignos em “alguns pontos da cavidade abdominal”. Mas, no final de outubro de 2009, Alencar disse que o último exame realizado mostrava uma “redução substancial” dos tumores.

No início de julho de 2010, Alencar deu entrada no hospital Sírio-Libanês para uma sessão de quimioterapia, mas apresentou uma crise de hipertensão e foi internado em seguida. Após três dias, foi diagnosticada uma isquemia (deficiência na irrigação sanguínea) cardíaca, o que estava provocando uma irrigação insuficiente em uma das paredes laterais de seu coração.

Por isso, foi feita a colocação do stent (dispositivo para dilatar vasos sanguíneos) no coração. Na ocasião, ele também passou por um cateterismo (exame para verificar as condições de vasos sanguíneos).

Em setembro, o vice-presidente voltou a ser internado para tratar um edema agudo de pulmão. Já no final de outubro, Alencar foi internado com um quadro de suboclusão intestinal.

No começo de novembro, sofreu um infarto agudo do miocárdio e foi submetido a um novo cateterismo. No dia 27 de novembro, Alencar foi operado para desobstruir o intestino. A cirurgia durou cinco horas e resultou na extração de dois nódulos e 20 centímetros de seu intestino delgado. No final do procedimento, ele sofreu uma arritmia cardíaca, que foi revertida.

No meio de dezembro, Alencar deixou o hospital após passar 25 dias se recuperando da cirurgia e submetendo-se a sessões de hemodiálise, por conta do comprometimento das funções renais. Em 22 de dezembro, porém, voltou ao hospital, de onde só recebeu alta no dia 26 de janeiro.

Alencar voltou a ser internado às pressas no dia 9 de fevereiro devido a uma perfuração intestinal. Ele deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no dia 15 de fevereiro e recebeu alta médica 34 dias depois. No dia 28 de março retornou ao hospital em situação considerada crítica e foi internado novamente na UTI.

Biografia

Filho de um pequeno comerciante de um vilarejo mineiro, José Alencar Gomes da Silva começou a trabalhar cedo e deixou a família quando tinha 14 anos para empregar-se numa loja na sede do município de Muriaé (MG).

Em 1947, atrás de um emprego melhor, mudou-se para Caratinga, cidade em que conheceu Mariza, com quem se casou. Aos 18 anos, foi emancipado pelo pai (na época, a maioridade civil ocorria aos 21 anos) e, com apoio financeiro de um irmão, abriu uma loja na cidade.

Você não sabe o que é a morte, então você não tem de ter medo da morte. Você tem de ter medo é da desonra, dela você tem de ter medo, isso mata você.”

Alencar, em 30 de dezembro de 2007

Hoje, a Coteminas S.A., controlada pela família de Alencar, é a maior empresa do setor têxtil do país e um dos mais importantes grupos econômicos do Brasil.

Alencar causou surpresa, à esquerda e à direita, ao aceitar a posição de vice na vitoriosa chapa de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República, na campanha de 2002. Quatros anos depois, foi reeleito vice-presidente.

Em julho de 2010, um juiz da comarca de Caratinga (MG), declarou José Alencar oficialmente pai de Rosemary de Morais, que passou a assinar Gomes da Silva. A sentença faz parte de uma ação de reconhecimento de paternidade ajuizada em 2001.

 

Linha do tempo



Prefeitura de Coité recebe R$ 30 mil para a ExpoCoité

29 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda


O Diário Oficial da Bahia nº 20520, de hoje (29 de março), na página 16 do Executivo, divulgou o contrato de repasse de 30 mil reais para a Prefeitura de Conceição do Coité-BA para a realização da 17ª ExpoCoité, neste final de semana. Confira a íntegra da publicação a baixo.

O evento acontecerá de 29 de março a 03 de abril no parque de exposições Agnaldo Ramos Gomes, com 10.000,00 em prêmios, exposição de animais, X feira da agricultura familiar, leilão, comidas típicas e várias atrações musicais.

Programação:

28/03 – Entrada de animais (08 às 00:00h)

29/03 – Pesagem e Exames de Animais (08 h)

30/03 – Julgamento caprinos (08 h)

31/03 e 01/04 – Julgamento de Ovinos (08 h)

02/04 Grandes campeonatos (08 h)

Entrega de prêmios (10 h)

Leilão Estrela do Sisal (14 h)

Encerramento (17 h)



Já está no ar o site “Bahia Todo Dia”, novo site de notícias baiano

28 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda

O radiojornalista Paulo Marcos participou, nesta segunda-feira (28) do Lançamento do Site Bahia Todo Dia.

A iniciativa tem como integrantes os jornalistas Alberto Lima Sobral, Edson Miranda, Moacy Neves e Alexandre Santos.

“É um portal bonito, fácil de usar e espero que possa cumprir com o que se compromete: independência editorial e responsabilidade jornalística. Isso é fundamental depois de uma onda de denúncia envolvendo blogueiros na cidade do Salvador”, comentou Paulo.

O evento aconteceu na Editora Saraiva no Iguatemi. Acesse o novo portal de notícias da Bahia. BAHIA TODO DIA – O site da notícia..



Hospital Estadual da Criança: quem ou quê regula quem ou quê ?

27 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda

CARTA ABERTA À BAHIA

Na semana passada meu filho teve forte quadro de dengue. Internado no Hospital Pediátrico Sobaby, em Feira de Santana, BA, apresentou epistache, derrame pleural, abrupta baixa de plaquetas (chegou a 27.000), febre de quase 40º., vômitos, desidratação e demais complicações oriundas.

Além do atendimento de praxe, necessitou de bolsas de plaquetas, monitoramento por eletrodos, raios-x, soro, etc. Ainda assim, e com todo o apoio e a atenção da equipe do referido Hospital, no sábado passado (19/03/2011) buscou-se sua transferência para uma Unidade de Saúde com recursos de UTI, dentre outros.

Após várias tentativas, por parte do Hospital e pela família, meu filho continuou internado no mesmo local. Entretanto, caso infeliz e absurdo operou-se a partir do HEC (Hospital Estadual da Criança).

Após mais de 4 horas de tentativas finalmente o HEC negou sua internação, alegando ausência de vagas. O pior ainda estava por vir. Como toda família em situação de desespero, procuramos contatos com a Diretoria Médica do HEC e mesmo com amigos ligados a autoridades políticas de Feira de Santana.

No afã da crítica e triste situação em que se encontrava meu filho, essas pessoas sugeriram que fôssemos ao HEC, afinal, trata-se de um dos maiores hospitais pediátricos do Brasil e referência regional para crianças, particularmente em casos de dengue grave: ao menos era o que supúnhamos, haja visto a imensa propaganda acerca do mesmo e as inferências aludidas por pessoas que nele trabalham.

Qual não foi nosso espanto quando chegamos (eu e um irmão) ao HEC e a primeira pergunta que me fizeram (antes de um simples boa noite !) foi “qual é o plano (de saúde) da criança?”.

Informando que se tratava do Planserv, esperamos mais de 25 minutos até sermos atendidos (sic) por duas pessoas, uma delas a Sra. Suane, que se apresentou, após minha solicitação, como médica.

A mesma disse que já tinha o Relatório do meu filho desde “a manhã” e que tinha acabado de falar com a Sra. Edilma, Diretora do HEC, informando que nada poderia fazer pelo mesmo. Maior susto foi quando a mesma médica indagou: “por que a Sobaby quer se livrar de sue filho?” Daí passou a discorrer sobre o fato dela ter estudado medicina no mesmo local do médico requerente, que ela era médica em qualquer lugar, e, pasmem, dentre outras idiossincrasias e absurdos, disse que ele deveria ir para Salvador!

Após eu ter dito que levaria essas perguntas e observações à Sobaby e à imprensa a mesma me pediu o Relatório (o mesmo que antes alegava ter em posse desde a manhã do mesmo dia!). As questões que me faço, como pai e cidadão, são:

  1. Por que o HEC precisa saber do Plano de Saúde de uma criança?

  2. Qual é, afinal, a capacidade de atendimento do HEC?

  3. O que é preciso para ser atendido no HEC (além de 6 dias de dengue com o quadro descrito acima)?

  4. Por que eu deveria levar meu filho a Salvador?

  5. Como uma médica pode aludir que outro profissional (e Hospital) quer se livrar de uma criança?

  6. Por que mais de 4 horas para finalmente negar um atendimento?

  7. Onde ficam os Direitos da Criança frente ao ECA e ao SUS?

Felizmente meu filho, apesar da negligência e ação absurda e irresponsável do HEC, e da qualidade dos profissionais da Sobaby (sem contar as orações e sua própria capacidade de reação), ficou bom e teve alta após 6 dias de internamento. Mas ficam o protesto, a tristeza, a indignação e o aviltamento feito e sentidos por toda a família, amigos e colegas da criança.

Por isso essa Carta Aberta à sociedade baiana, que também segue para os profissionais de imprensa, alguns deputados estaduais, Ministério Público, Conselho Tutelar, Conselho Estadual dos Direitos da Criança, CREMEB, HEC, Secretaria Estadual e Municipal de Saúde, dentre outros.

De tudo isso cabe a pergunta: afinal, quem ou quê está regulando quem ou quê?

Atenciosamente,

Márcio Mascarenhas
pai, cidadão baiano



Prefeitura de Coité movimentou 90 milhões em dois anos

26 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda

A Prefeitura de Conceição do Coité-BA, que movimentou 90 milhões do Governo Lula entre 2009 e 2010, ainda não fez nenhum convênio com o Governo Federal este ano. A informação é do Portal da Transparência que divulga todos os recursos utilizados pelo Governo.

Clique aqui para conferir

No total de 9 convênios desde 2009, o atual prefeito Renato Souza, movimentou cerca de 2 milhões e 300 mil reis do Governo Federal através de convênio para aquisição de veículos, construção de quadra de esportes, prestar assistência à mulher na prevenção à violência doméstica, pavimentação de ruas e Micareta.

Dentre os últimos está o convênio: 701101/2010 que visa aquisição de ônibus escolar. O valor total recebido pelo prefeito em 1º de dezembro de 2010 foi de R$ 615.780,00. Outro convênio no valor de R$ 150.000,00, visa apoiar a realização da Micareta Coité Folia de 2010. O dinheiro caiu na conta da prefeitura em 22 de novembro de 2010.

De 01 de janeiro de 1996 a 22 de março de 2011, o total conveniado com o Município é: R$ 10.270.821,29. O Convênio é a proposição feita pela prefeitura através de projetos próprios ou emendas parlamentares.

Repasses obrigatórios:

Quanto aos repasses a do Governo Federal para o município em dezembro de 2010 foram R$ 5.348.002,82 (cinco milhões, trezentos e quarenta e oito mil, dois reais e oitenta e dois centavos)

Repasses do Governo Federal para o município acumulado em 2010: R$ 45.902.616,81 (quarenta e cinco milhões, novecentos e dois mil, seiscentos e dezesseis mil reais e oitenta e um centavo)

Dentre os maiores valores de 2010 estão:  
FPM – CF art. 159 ——————————————————————————– R$ 15.919.243,97
FUNDEB ——————————————————————————– R$ 10.740.331,77
Recursos Pagos Direto ao Cidadão em 2010 
Bolsa Família ——————————————————————————– R$ 7.643.393,00
Garantia-Safra ——————————————————————————– R$ 302.280,00
Transferência de Renda – PETI ————————-
——————————————————-
R$ 6.375,00

Acumulado no Governo Renato (2009 e 2010): 89.328.988,20

Legislação:

A consulta “Transparência nos Estados e Municípios” é o novo espaço do Portal da Transparência, que fornece dados sobre os recursos repassados do governo federal para estados, DF e municípios, permitindo que esses entes federativos extraiam as informações e as publiquem em seus próprios portais, além de dar transparência aos valores para que todo brasileiro interessado possa ter acesso a eles.

Com isso, a CGU oferece mais um serviço que contribui para o incremento da transparência pública e atende dispositivos da Lei Complementar n.º 131/2009, que trata da publicação em tempo real de informações sobre a execução orçamentária e financeira dos estados, do Distrito Federal e dos municípios.

Transparência em Coité

A prefeitura de Conceição do Coité mantém no ar um site www.coitebahia.com.br com uma revista de ações e no endereço oficial tem o diário em PDF www.conceicaodocoite.ba.gov.br, mas não oferece nenhum link ou realiza qualquer ação visando dar transparência ao uso dos recursos públicos.

Fonte: Portal da Transparência | Acesso realizado neste sábado (26.03.2011).



Quixabeira: nova estrada vai otimizar o escoamento de produtos

26 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda


O comerciante Deraldo Rodrigues comemorou, nesta sexta-feira (25), a recuperação da BA- 791, trecho que vai do município de Quixabeira, a 300 quilometros de Salvador, até a BR-324. A área recuperada vai otimizar o escoamento de produtos no Território de Identidade da Bacia do Jacuípe, dinamizando a economia regional.

“Antes, praticamente não existia pista. Agora, melhorou 100%. Antes, levávamos meia-hora da cidade para a BR, de moto. De carro então… Agora, em 10 minutos percorremos o mesmo trajeto”, disse o comerciante, destacando que, atualmente, as cidades de Quixabeira, Capim Grosso, São José do Jacuípe, Jacobina e Serrolândia estão de fato interligadas, beneficiando pelo menos de 75 mil moradores da região.

Foram recuperados nove quilômetros de estrada, por onde circulam, em média, 120 veículos diariamente. No total, foram investidos cerca de R$ 2 milhões, pelo Governo do Estado via Secretaria de Infraestrutura, em serviços de recuperação asfáltica, recapeamento, sinalização vertical e horizontal. Para celebrar a conquista da cidade, o governador Jaques Wagner participou da reinauguração do trecho, descerrando a placa do KM-1.

“Em nossos quatro primeiros anos de governo, recuperamos e construímos quatro mil quilômetros de estradas, aproximadamente. Tanto este trecho, quanto o que inauguramos recentemente em Brejões, mostram que nosso compromisso com o desenvolvimento das cidades do interior baiano continuam”, afirmou o governador.

As duas estradas citadas pelo governador foram cobradas pela deputada estadual Neusa Cadore, que junto com as prefeituras e movimentos organizados localmente, busca as melhorias para as cidades. Wagner pontuou, também, as demais ações já realizadas no município como as obras de pavimentação de seis ruas e a quadra poliesportiva construída no povoado de Alto do Capim , mediante a aplicação de recursos da ordem de R$ 99,5 mil.

Além destes, o governador relembrou a população das 457 ligações de energia elétrica em domicílios rurais, realizadas desde 2007, com investimento de R$ 2,9 milhões para atender mais de dois mil habitantes.

“Neste momento de reorganização financeira em todo país, peço a paciência de todos e me comprometo a finalizar as obras em andamento na Bahia para que, no segundo semestre do ano, recomecemos com projetos como estes feitos aqui em Quixabeira”, disse.

Neusa foi a única deputada presente no ato e fez o discurso apontando a necessidade de reconhecer que nenhum governador fez tanto pelo Território como Wagner em 4 anos e 3 meses incompletos.

“Estamos vivendo um momento novo e temos que saber como aproveitá-lo para podermos realizar grandes sonhos da população desta região. Vamos continuar lutando juntos, vamos continuar unidos para conseguirmos mais benefícios para o Sertão e toda a Bahia”, informou a parlamentar.

Cadore comentou ainda que o prefeito Eliezer Costa tem se destacado na região exatamente pela sua coragem, honestidade e trabalho eficiente.

“Eliezer é um companheiro de primeira hora e tem lutado incansavelmente para resolver problemas que a população convive a mais de 30 anos”, explicou a deputada.

Ela findou o discurso lembrando a construção da adutora que irá levar água doce da Barragem de Pedras Altas aos municípios da região.

“Nós estamos vivendo um novo momento regionalmente e por isso podemos dizer que valeu apena acreditar”, afirmou.

Fonte: Agecom-BA | Fotos: Manu Dias | Raimundo Mascarenhas



Tudo sobre a consulta pública do PPA Participativo

26 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda

No próximo dia 5 de abril terá início a consulta pública do Plano Plurianual Participativo 2012-2015 (PPA-P 2012-2015), que se estenderá até 27 de maio, percorrendo os 26 Territórios de Identidade da Bahia. A abertura dos trabalhos será em Feira de Santana, às 9 horas, no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, com a presença do governador Jaques Wagner.

O PPA-P é uma estratégia utilizada pelo governo para apresentar à sociedade suas diretrizes estratégicas e ouvir o que a sociedade tem a dizer, quais são as suas necessidades, seus problemas e suas sugestões. O PPA-P subsidiará a elaboração do Plano Plurianual e é coordenado pela Secretaria do Planejamento do Estado (Seplan).

A participação popular será viabilizada pelo uso de diversos canais de atendimento para o cidadão contribuir com a construção do Plano Plurianual (PPA) 2012-2015. Além das plenárias, que ocorrerão entre os meses de abril e maio nos Territórios de Identidade, o cidadão poderá participar por meio da Internet – no site www.ppaparticipativo.ba.gov.br -, pelo telefone da Ouvidoria (0800-284-0011), nos SAC’s e Centros Digitais de Cidadania (CDC’s) em todo o Estado.

O Plano Plurianual (PPA) é o planejamento do governo para quatro anos. Nele estão definidas as diretrizes, objetivos e metas que serão detalhadas posteriormente nas Leis Orçamentárias Anuais. Com este documento, o governo estabelece suas prioridades e sabe como gastar melhor os recursos públicos.

O PPA é um planejamento de médio prazo, que traça o caminho para alcançar as metas previstas para o Plano de Desenvolvimento Bahia 2023, documento que planejamento de longo prazo para a Bahia, tendo em vista a comemoração dos 200 anos de independência do Estado.

“O Plano de Desenvolvimento Bahia 2023 surge do entendimento que é importante que o governo saiba aonde pretende chegar nos próximos anos, para que o caminho a ser empreendido durante sua administração tenha um sentido, um eixo pré-estabelecido. Esse caminho se constrói pela fundamentação da análise de tendências e em valores com os quais o governo declarará os problemas a serem enfrentados, objetivando vencer os obstáculos interpostos entre a realidade atual e o futuro perseguido”, enfatiza o secretário do Planejamento, Zezéu Ribeiro.

O quê: Plenária do PPA Participativo

Local: Colégio Estadual Luís Eduardo Magalhães – Feira de Santana

Endereço: Rua Vasco Filho, s/n – Centro | Ponto de referência: Ao lado da rodoviária

Data: 05/04/2011

Horário: 9h

Calendário dos Territórios – Baixe aqui

Perguntas Frequentes:

1) O que são Territórios de Identidade?

De acordo com o decreto estadual nº 12.354, de 25 de agosto de 2010, considera-se Território de Identidade o agrupamento identitário municipal formado de acordo com critérios sociais, culturais, econômicos e geográficos, e reconhecido pela sua população como o espaço historicamente construído ao qual pertence, com identidade que amplia as possibilidades de coesão social e territorial. Atualmente o Estado da Bahia possui 26 Territórios de Identidade.

2) O que é o Plano Bahia 2023?

O Plano de Desenvolvimento Bahia 2023 é um documento que desenha o planejamento de longo prazo para a Bahia, tendo em vista a comemoração dos 200 anos de independência do Estado. Este surge do entendimento que é importante que o Governo saiba aonde pretende chegar nos próximos anos, para que o caminho a ser empreendido durante sua administração tenha um sentido, um eixo pré-estabelecido. Esse caminho se constrói pela fundamentação da análise de tendências e em valores com os quais o Governo declarará os problemas a serem enfrentados, objetivando vencer os obstáculos interpostos entre a realidade atual e o futuro a ser perseguido.

O Bahia 2023, assim, buscou responder três questões-chave fundamentais:

  • Qual é a Bahia que desejamos em 2023?
  • Quais são as forças motrizes, as megatendências e os grandes desafios que nortearão a construção desse futuro desejado para o nosso Estado?
  • Quais são as vocações que devemos fomentar em cada Território de Identidade para nos inserirmos de forma dinâmica e sustentada nesse futuro?

3) O que é o Plano Plurianual?

O Plano Plurianual (PPA) é o planejamento do governo para quatro anos. Nele estão definidas as diretrizes, objetivos e metas que serão detalhadas posteriormente nas Leis Orçamentárias Anuais. Com este documento, o governo estabelece suas prioridades e sabe como gastar melhor os recursos públicos.

Constitucionalmente o PPA é um instrumento que estabelece, de forma regionalizada, as diretrizes, objetivos e metas da administração pública – federal, estadual e municipal -, considerando as despesas de capital e outras delas decorrentes, e as relativas aos programas de duração continuada.

4) O que é o Plano Plurianual Participativo (PPA-P)?

O Plano Plurianual Participativo (PPA-P) é uma estratégia utilizada pelo governo para apresentar à sociedade suas diretrizes estratégicas e ouvir o que a sociedade tem a dizer, quais são as suas necessidades, seus problemas e suas sugestões. O PPA-P subsidiará a elaboração do Plano Plurianual e é coordenado pela Secretaria do Planejamento do Estado (Seplan).

5) Quais serão os canais de consulta?

O Governo do Estado disponibilizará diversos canais de atendimento para o cidadão contribuir com a construção do Plano Plurianual 2012-2015. Além das plenárias, que ocorrerão entre os meses de abril e maio nos Territórios de Identidade, o cidadão poderá participar por meio da Internet – no site www.ppaparticipativo.ba.gov.br, pelo telefone da Ouvidoria, nos SAC’s e Centros Digitais de Cidadania (CDC’s) em todo o Estado.

6) O que são os Grupos de Trabalhos Territoriais?

São representantes da sociedade civil e poder público, cujo papel é promover a discussão nos Territórios de Identidade para qualificar as propostas que integrarão o Plano Plurianual.

Os GTT’s são compostos por:

Sociedade Civil

  • dois conselheiros do Conselho de Acompanhamento do Plano Plurianual (CaPPA)
  • dois representantes do Colegiado Territorial
  • um articulador do Ingá/Seplan,

Poder Público

  • um articulador de Cultura
  • três representantes de órgãos regionais do Estado

7) O que é o Conselho de Acompanhamento do Plano Plurianual (CaPPA)?

Instituído pelo decreto nº 10.571, de novembro de 2007, o Conselho de Acompanhamento do Plano Plurianual (CaPPA) é organizado na forma de órgão colegiado e tem como finalidade acompanhar, monitorar, subsidiar e aconselhar o Governo da Bahia quanto à execução do Plano Plurianual (PPA), além de propor às instâncias governamentais competentes a adoção de medidas e ajustes para implementação do PPA.

O conselho é, portanto, um instrumento de monitoramento do plano, sendo de caráter consultivo e cabendo à coordenação do órgão o encaminhamento de propostas que serão objeto de análise.

8) O que é o Cedeter?

O decreto n.º 12.354 publicado no Diário Oficial do Estado do dia 25 de agosto de 2010 instituiu o Cedeter com o objetivo de articular e propor ações que promovam o desenvolvimento territorial sustentável do estado em diálogo permanente com instituições públicas, entidades da sociedade civil e colegiados territoriais.

Em sua composição, o Cedeter tem um representante da Seplan e um representante da Secretaria Estadual de Desenvolvimento e Integração Regional (Sedir), que exercerão respectivamente as funções de presidência e vice-presidência. O conselho conta ainda com representantes das secretarias da Saúde (Sesab), Educação (SEC), Cultura (Secult), Desenvolvimento Urbano (Sedur), Relações Institucionais (Sedir) e Agricultura (Seagri), além de representantes da Delegacia Estadual do Ministério do Desenvolvimento Agrário, do Ministério da Integração Regional e oito representantes dos Codeter´s.

9) O que são os Codeter’s?

A resolução nº 01, de 25 de fevereiro de 2011, do Conselho Estadual de Desenvolvimento Territorial (Cedeter), define que os Colegiados Territoriais de Desenvolvimento Sustentável (Codeter’s) são espaços de colaboração para o planejamento e a gestão das políticas públicas, articulador e fomentador de programas e projetos que visam à promoção do desenvolvimento sustentável, por meio de processos ascendentes de planejamento e controle social.

Os Codeter’s deverão estabelecer composições paritárias entre o poder público (municipal, estadual e federal) e a sociedade civil organizada. Além disso, os colegiados terão como princípio o bom desempenho de articulação na busca do envolvimento e da participação das diferentes dimensões do desenvolvimento relacionadas às áreas social, econômica, cultural, política ambiental, dentre outras, seguindo princípios de equidade e gestão social.



Escola de Capela utiliza recurso pioneiro de captação de chuva

26 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda

Depois de inaugurar obras em Quixabeira, nesta sexta-feira (25), o governador Jaques Wagner, seguiu para o município de Capela do Alto Alegre, também no Território da Bacia do Jacuípe. Desta vez, Wagner e o secretário da Educação, Osvaldo Barreto, inauguraram o Colégio Estadual Professora Zenilda Fernandes, cujo nome homenageia uma educadora local. A unidade demandou investimento de R$ 1,5 milhão.

A escola conta com oito salas amplas, sala de informática equipada, biblioteca repleta de títulos didáticos e quadra poliesportiva. A inovação fica por conta do sistema de captação de água pluvial automático.

“É a primeira de muitas escolas públicas da rede estadual a utilizar este sistema, que tem capacidade de armazenar 40 mil litros de água das chuvas, mostrando uma alternativa eficaz e sustentável para a manutenção hídrica da unidade”, afirmou o secretário.

O colégio tem capacidade para 960 alunos do Ensino Médio, com estrutura de qualidade para que jovens do interior e da zona rural tenham capacidade de ingressar na universidade. Hoje, são 536 alunos matriculados. Entre eles, Angélica Silva, de 18 anos, que está cursando o terceiro ano.

“Agora temos uma escola adequada para aprender. Me sinto motivada a estudar. O colégio está lindo”, comentou.

De acordo com a diretora da unidade, Jucelma Souza, o colégio é o único a oferecer o Ensino Médio, por isso, abriga muitos alunos das localidades rurais.

“As novas estruturas permitem um ensino mais qualificado. Vamos inclusive qualificar, também, nossa equipe de professores, sem os quais o ensino de nada vale. Só temos de agradecer ao Governo da Bahia”, disse emocionada.

Durante seu discurso, o governador ressaltou que a educação é uma das prioridades centrais do Estado.

“Prova disso é o nosso programa de alfabetização de adultos, o maior do país, Todos Pela Alfabetização. Através dele, um milhão de pessoas aprenderam a ler e a escrever. Vamos continuar investindo na reforma e construção de escolas e, sobretudo, na capacitação de professores”.

A deputada estadual Neusa Cadore também participou do evento. Ela informou que a obra é de fato um importante espaço que a população local conquistou junto ao governo.

“Eu fui prefeita quando não tinhamos um Governo do Estado comprometido e sei da dificuldade que é essa questão de sala de aula. Em Pintadas tive que construir muitas unidades para atender a demanda que nós mesmo criamos ao priorizar o ensino. O prefeito Ney tem sido um guerreiro ao buscar esses investimentos para o município e encontra no Governo Wagner um parceiro”, explicou a deputada Neusa.

Ao discursar ela foi bastante aplaudida pela comunidade e disse que “depois do governo de Wagner, estamos vendo concretizar muitos sonhos: sonho da estrada, da água de qualidade, do posto de saúde, da cidade sinalizada e sobre tudo, este é governo que olha para a zona rural”, lembrou a parlamentar.

“Vamos fortalecer as cadeias do mel, do leite, da fruta e trabalhar para melhoria da qualidade de vida das pessoas. Aqui em Capela, o prefeito Dr. Nei é parceiro deste governo”, concluiu Cadore.

O prefeito Claudiney Novato (Dr. Ney), afirmou que o governador tem sido leal e cumpridor dos seus deveres. Perante a comunidade ele afirmou que a parceria continua pelo bem de Capela.

“Quero agradecer muito ao nosso governador e a deputada Neusa pelo empenho que tem com o nosso município. Este foi um belo presente que recebemos ao completar 26 anos. Somos gratos a deputada, pois estes alunos estavam estudando nas instalações emprestadas de uma Fundação. Também estamos felizes, pois ela está retribuindo a confiança dos nossos munícipes, que eleição de outubro de 2010 deu 2.528 votos, tornando a mais votada para deputada estadual”, disse Ney.

Capela fez 26 anos de emancipação política administrativa no último dia 19 de março.

Mais estradas – No governo passada Wagner reconstruiu a estrada que liga Capela a Nova Fátima e desta vez disse que o projeto de recuperação da BA-242, que interliga Capela à Estrada do Feijão, está em andamento.

“São 20 quilômetros que estão sendo orçados para o segundo semestre do ano. Como afirmei, estamos num momento de organização de recursos para potencializarmos ainda mais o crescimento da Bahia”.

Fonte: Agecom-BA | Foto: Raimundo Mascarenhas

“Somos gratos a deputada, pois estes alunos estavam estudando nas instalações emprestadas de uma Fundação. Também estamos felizes, pois ela está retribuindo a confiança dos nossos munícipes, que eleição de outubro de 2010 deu 2.528 votos, tornando a mais votada para deputada estadual”


Cordeiros-BA: Neusa participa da 3ª Semana da Mulher

25 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda

Depois de 7 horas de viagem a deputada Neusa Cadore (PT/BA) chegou no município de Cordeiros-BA ao meio dia desta quinta-feira (24). Ela foi recebida com um almoço que contou a participação de lideranças locais e depois reuniu-se com o PT da cidade e em seguida fez uma palestra sobre a participação das mulheres na política.

O evento fez parte da 3ª Semana das Mulheres de Cordeiros e reuniu centenas de pessoas. Neusa falou dos principais desafios da participação das mulheres no poder. Ela disse que todas as conquistas que já aconteceram foram por causa da luta de muitas mulheres que ousaram em participar.

Para Neusa até mesmo a vitória do PT com Dilma eleita presidenta do Brasil foi a partir da luta de mulheres mulheres desde as trabalhadoras rurais organizadas até o próprio desempenho de Dilma na equipe de Lula.

Reunião com o Partido dos Trabalhadores (PT) de Cordeiros-BA

Depois de ouvir as conquistas e desafios apontadas pelos membros do Partido dos Trabalhadores, Neusa fez um balanço e relacionou uma série de ações no município. Ela sugeriu a divulgação das conquistas através dos meios de comunicação e reuniões nas comunidades. Além de se organizarem ainda mais para o pleito do dia 05 de junho de 2011, quando ocorrerá eleição suplementar para definir o prefeito e vice da cidade.

Cordeiros: a cidade fica a 700 km de Salvador na região de Vitória da Conquista e faz divisa com Minas Gerais.



Governador inaugura obras em Quixabeira e Capela

25 de Março de 2011, 0:00, por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda

A rodovia BA-791, no trecho do entroncamento com a BR-324 até Quixabeira, será reinaugurada nesta sexta-feira (25), a partir das 9h, com a presença do governador Jaques Wagner e do secretário estadual de Infraestrutura, Otto Alencar. Com investimento de aproximadamente R$ 1,9 milhão, o trecho de nove quilômetros passou por serviços de restauração e pavimentação – tratamento superficial simples (TSS), devendo beneficiar mais de 75 mil pessoas.

As melhorias da estrada por onde trafegam cerca de 120 veículos por dia facilitarão o escoamento da pecuária e de grãos produzidos na região. Entre os municípios diretamente beneficiados estão Quixabeira, São José do Jacuípe e Serrolândia.

O Prefeito Eliezer Costa (PT) informou que esta não é a única iniciativa que será entregue. Ele anunciou a inauguração da sinalização de trânsito da cidade;  a Quadra de Esportes no Alto do Capim; a implantação de uma rede distribuição de água na localidade de Várzea Danta, a entrega de uma Patrol  e a inauguração da pavimentação com paralelepídedo das ruas José Amando, Deputado João Alves, Adelvino Santos Felicino Coelho, Irênio Delfino, Mineiro Araujo e da Saudade, totalizando uma área de aproximadamente 6 mil m² e um investimento foi de R$ 400 mil.

Os quixabeirenses também foram beneficiados com ações na área de energia, que, por meio do Luz para Todos, levaram eletricidade para 457 residências da zona rural, beneficiando 2.285 pessoas. Outras 14 moradias ainda serão ligadas à rede elétrica, permitindo que mais 70 moradores tenham acesso ao serviço.

Áudio: Ouça aqui a entrevista com o prefeito Eliezer Costa

Saiba mais sobre Quixabeira: Com extensão territorial de 368 quilômetros quadrados, sua população está estimada em 9.624 habitantes. A cidade foi emancipada em 1989.

Capela do Alto Alegre

O Colégio Estadual Professora Zenilda Fernandes dos Santos Farias fica localizado na sede do município e tem capacidade para 960 alunos do Ensino Médio, distribuídos nos três turnos.

A escola atenderá os estudantes que frequentavam o Colégio Joaquim Machado, por meio de um convênio de cessão de sala com a Fundação Educacional Joaquim Machado. O nome da unidade escolar homenageia uma antiga educadora da cidade e foi escolhido mediante consulta na comunidade local.

O novo prédio conta com oito salas de aula, laboratório de informática, biblioteca, sala de vídeo, laboratório de ciências, banheiros adaptados para pessoas com deficiência física, rampas de acesso, quadra de esporte, entre outras instalações. O investimento foi de R$ 1,5 milhão.

Saiba mais sobre o município: tem 656 quilômetros quadrados de extensão territorial e população estimada em 12.748 habitantes. O atual prefeito da cidade, emancipada em 1985, é Claudinei Novato.

A deputada Neusa também participará dos eventos.



Tags deste artigo: bahia artes bacia do jacuípe cultura radialista rádio tv esportes