Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

pm@paulomarcos.com | msg: 74.9110 4596
Jornalismo no Rádio, TV e Internet

http://www.dotpod.com.ar/wp-content/uploads/2008/06/sonico-logo.jpg

 

 

http://static.wix.com/media/1ff96be45122890f6b04ceeaa7dbd2d3.wix_mp

PM no Twitter

Invalid feed format.

Este perfil não tem posição geográfica registrada.

Paulo Marcos

Paulo Marcos
Pintadas - Bahia - Brasil
 Voltar a Paulo Marcos...
Tela cheia

Rádio Santa Luz FM desmente nota do Bahia Notícias

15 de Agosto de 2010, 0:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 3784 vezes

O radialista Edisvânio Nascimento esclareceu através de Nota Oficial da Rádio Santa Luz FM que o site BahiaNotícias.com.br mentiu ao divulgar nota afirmando “SANTALUZ: PREFEITO SE IRRITA E INVADE RÁDIO”.

O comunicador disse em nota que preza pela comunicação séria e verdadeira. Confira:


À redação do Bahia Notícias


NOTA DE ESCLARECIMENTO!


Caríssimos companheiros de imprensa.
Tenho certeza de que assim posso chamá-los. Dirijo-me a esse conceituado meio de comunicação para fazer um esclarecimento a cerca da denúncia feita neste conceituado site de noticias na tarde de ontem, (12). Onde na oportunidade, a denúncia dar a entender que a Rádio Comunitária Santa Luz FM teria sido invadida pelo Prefeito Joselito Carneiro de Araújo Junior (DEM), quando estava sendo apresentado o programa Rádio Revista, que é coordenado por mim, Edisvânio Nascimento e do qual sou âncora.

Ocorre que, existem algumas inverdades na matéria publicada ontem a tarde, e aqui pretendo colocar os fatos verdadeiramente como aconteceram. Quero afirmar que é verdade sim que houve a denúncia no Tribunal de Contas dos Municípios, e que o prefeito fora notificado pelo TCM. Também afirmar que é verdade que convidei o Vereador Sérgio Suzart (PPS), autor da denúncia contra o prefeito.

Todavia, gostaria de esclarecer que está havendo um grande equivoco por parte de quem publicou a matéria no Bahia Notícias. Primeiro porque creio que para haver uma democracia verdadeira nos meios de comunicação se faz necessário que ouçamos as fontes diversas e neste caso, nem eu, nem a Rádio foi ouvida. Que fique claro que os fatos se deram da seguinte forma:

Ao convidar o vereador Sérgio Suzart (PPS) para participar do programa e comentar sobre a denúncia feita por ele ao TCM, como manda o jornalismo sério, responsável e ético, entrei em contato com a assessoria de comunicação do prefeito a senhorita Aline, isso por volta de 11 horas e 39 minutos da manhã, falei para ela que estava com uma denúncia contra o prefeito e pretendia fazer uma entrevista com ele para que pudesse também comentar sobre o assunto. Fui gentilmente atendido por Aline e na oportunidade ela me falou que iria tentar localizar o prefeito e que me daria um retorno, como eu estava fechando a pauta do programa que entra no ar meio dia, falei para ela que se não conseguisse me ligar antes de meio dia não teria problemas, mesmo assim os microfones estariam abertos, uma vez que a nossa emissora preza pelo princípio da democracia.

De modo, que quando fiz a chamada da noticia sobre a situação, comecei a conversar com o Vereador Sérgio Suzart sobre o caso e no decorrer do bate papo, o prefeito compareceu aos nossos estúdios.

Porém, gostaria aqui de deixar claro que assim como o vereador Sérgio foi convidado para conversar conosco o prefeito também foi. De maneira que não é verdade quando se refere na matéria que ele teria invadido os estúdios da Rádio. Assim como também não é verdade quando dizem que por pouco ele não agrediu, muito pelo contrario, eu fui o mediador do debate fiquei no centro, o vereador Sérgio do meu lado direito e o Prefeito Joselito, ao meu lado esquerdo e em nenhum momento houve qualquer movimento que caracterizasse tal fato narrado na matéria. Também não é verdade quando o Advogado Doutor Mário Lima fala que ficou preocupado com o destempero do democrata. Afirmando que ele entrou no estúdio muito alterado. Não procede tal fato mesmo porque o próprio Advogado o qual tenho um grande respeito, não estava presente no estúdio e como pode fazer afirmações como essas?

De maneira que eu perdi a minha tarde dando justificativas às pessoas e muitos colegas de imprensa ligando para mim querendo saber do fato, e eu tendo que repetir a mesma coisa. Lamento profundamente por Santa Luz passar por essa situação, acabaram, embora não citando o nome da nossa rádio que tanto prima pela democratização da informação nos deixando constrangidos. Não sei de quem partiu essa denúncia improcedente e infundada. Penso que as pessoas devem crescer pautando-se na verdade e conquistando os seus objetivos com méritos. A nossa Rádio ganha respeito justamente por se pautar na seriedade e se aproximar da imparcialidade. Aqui trabalhamos denúncias sim, mas dando a oportunidade de que ambos os lados possam se posicionar, pois é assim que se deve trabalhar o jornalismo com credibilidade.

Quero aqui agradecer a todos os amigos, simpatizantes da Santa Luz FM, admiradores e aos companheiros de imprensa da Bahia e do Brasil que me ligaram a tarde inteira para se mostrarem solidários a mim e à Rádio. Mas quero tranquilizá-los que não houve nenhum tipo de agressão nem tão pouco ameaça e que a ordem e o respeito se mantiveram, tanto foi assim que agendei com o próprio prefeito uma entrevista para a próxima Segunda-Feira (16), onde ele irá debater a situação do município.

Gostaria também de esclarecer que quem quer que seja que tentou tirar proveitos criando situações onde não houve, usando os nossos nomes, que fique claro, a nossa postura é de repúdio, pois se tivesse acontecido o que disseram na matéria nós seriamos os primeiros a tornar público. Não é aceitável que em pleno século XXI e em pleno regime democrático ainda se usem de artifícios para tentar tirar proveitos de alguma coisa e o que é pior, usando terceiros pra servir de degraus.

Mais uma vez, gostaríamos de reafirmar de maneira categórica que a matéria publicada ontem no Bahia Notícias, falta com a verdade. De modo que gostaria muito sinceramente que fosse publicado o nosso esclarecimento como de fato os fatos aconteceram.

Muito cordialmente;

Edisvânio Nascimento

Radialista DRT/BA – 6165

Coordenador de Jornalismo da Rádio Comunitária Santa Luz FM e apresentador do Programa Rádio Revista.

(75) 3265 3588 (75) 91997140

edisvanionascimento@yahoo.com.br

santaluzfm@yahoo.com.br


“Pelo direito a palavra”, Marcus Aurélio.


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.