Enviado por hamacker (sirhamackerΘgmail·com):

“Essa mensagem é para aqueles que estão conhecendo o Ubuntu: remasterizei o Ubuntu com a aplicação do script Ubuntu Perfeito, assim muita coisa já tá pronta e economiza descarregar pacotes da internet. O link para download é: http://hamacker.santhanna.net/?page_id=1103

Esta remasterização tem como diferencial da edição convencional do Ubuntu :

* Todas as atualizações posteriores ao lançamento do Ubuntu até a data 21/07/2010.
* Aplicação parcial do Ubuntu Perfeito, sim, parcial. Resolvi deixar de fora alguns itens que considero que nem todos venham a utilizar, por exemplo, o VirtualBox. Apesar disso, o script Ubuntu Perfeito já vem instalado com ele, assim poderá acrescentar novos recursos.
* Firefox já vem personalizado. Não se preocupe, não é nada extravagante, apenas o que eu considero ser um firefox ideal.
* Tema padrão alternativo, escolhí outro tema, este é mais conservador e mantém os botões de inimizar/maximizar do lado direito como em edições anteriores, apesar disso você é livre para voltar ao tema original usando o próprio gerenciador de temas do Ubuntu ou usando o Menu de Serviços do Ubuntu Perfeito que além de voltar ao tema original, também pode aplicar o conjunto de outros temas que acompanham essa edição.
* Syslinux atualizado para a versão 4.01. O Syslinux é o boot loader, ou carregador de sistema do Linux, a versão que acompanha o Ubuntu (todas as versões) é desatualizada e consegue ser mais antiga do que a usada no Debian e isso atrapalha a criação de LiveCDs ou LiveUSBs com certos programas, incluindo o RemasterSYS e Parted Magic que ora é bootável num computador e ora não é bootável em outro.
* Edição 32 e 64 bits, se você tem até 3GB de RAM recomendo que descarregue a edição 32bits, além dos 3GB de RAM passa a valer a pena descarregar a edição 64bits.

O intuito dessas edições é fornecer um Ubuntu mais completo e perfeito às necessidades diárias no ambiente de trabalho ou domiciliar, modestamente, eu considero que este .ISO é o que deveria ser a base do Ubuntu.” [referência: hamacker.santhanna.net]