Ir para o conteúdo
ou

Logo noosfero

ODF Alliance Award

Furusho

TDF Planet

redirection forbidden: http://planet.documentfoundation.org/atom.xml -> https://planet.documentfoundation.org/atom.xml

BR.Linux.org

redirection forbidden: http://br-linux.org/feed -> https://br-linux.org/feed

Seja Livre!

redirection forbidden: http://sejalivre.org/feed/ -> https://sejalivre.org/feed/

Linux Feed

getaddrinfo: Name or service not known

Computerworld

getaddrinfo: Name or service not known

PC World

getaddrinfo: Name or service not known

IDG Now!

getaddrinfo: Name or service not known

Info

Invalid feed format.

Users SL Argentina

redirection forbidden: http://drupal.usla.org.ar/rss.xml -> https://cobalto.gnucleo.net/rss.xml

Tecno Libres - Cubas

redirection forbidden: http://gutl.jovenclub.cu/feed -> https://gutl.jovenclub.cu/feed

Linux Venezuela

Invalid feed format.

GNU/Linux Paranguay

Invalid feed format.

Soft Libre Honduras

Invalid feed format.

 Voltar a FREE SOFTWAR...
Tela cheia

Maldrone – O Primeiro Backdoor para Drones

29 de Janeiro de 2015, 9:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 675 vezes

Enviado por Alan Oliveira (alanΘvirtx·com·br):

“O mercado dos Veículos Aéreos Não Tripulados (VANTs ou Drones) tem crescido exponencialmente nos últimos meses, sendo uma das maiores sensações do momento. Drones são equipados para resistir a trabalhos pesados em ambientes hostis, podem ter diversas utilidades.

Segundo a Wikipedia, os VANTs ou drones foram idealizados para fins militares. Inspirados nas bombas voadoras alemãs, do tipo V-1, e nos inofensivos aeromodelos rádio-controlados, estas máquinas voadoras de última geração foram concebidas, projetadas e construídas para serem usadas em missões muito perigosas para serem executadas por seres humanos. Esses drones são controlados a distância por meios eletrônicos e computacionais, sob a supervisão e governo humanos, ou sem a sua intervenção, por meio de Controladores Lógicos Programáveis (CLP).

Segundo a TheHackerNews, recentemente, Rahul Sasi, um pesquisador especialista em segurança encontrou um Backdoor no Parrot AR Drones 2.0, fabricado por uma empresa com sede na França. É a primeira vez que encontram um código malicioso para drones, chamado de Maldrone, o programa explora uma vulnerabilidade onde o Maldrone mata todos os controladores do drone fazendo com que os motores parem e o drone caia.

Backdoor – Em português (“porta dos fundos”), são programas maliciosos que dão ao seu criador o controle total do equipamento infectado.

O pesquisador gravou um video para demonstrar com maiores detalhes o funcionamento do ataque ao drone:

Rahul Sasi passou cinco meses fazendo uma engenharia reversa no programa do Parrot AR Drones 2.0 e desenvolveu o Maldrone. Sasi recomenda que os fabricantes dos drones realizem severas auditorias de segurança.” [referência: virtx.com.br]

O artigo "Maldrone – O Primeiro Backdoor para Drones" foi originalmente publicado no site BR-Linux.org, de Augusto Campos.


Fonte: http://br-linux.org/2015/01/maldrone-o-primeiro-backdoor-para-drones.html

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.