Aller au contenu
ou

Logo noosfero

ODF Alliance Award

Furusho

TDF Planet

redirection forbidden: http://planet.documentfoundation.org/atom.xml -> https://planet.documentfoundation.org/atom.xml

Linux Magazine

getaddrinfo: Name or service not known

BR.Linux.org

redirection forbidden: http://br-linux.org/feed -> https://br-linux.org/feed

Seja Livre!

redirection forbidden: http://sejalivre.org/feed/ -> https://sejalivre.org/feed/

Linux Feed

getaddrinfo: Name or service not known

Computerworld

getaddrinfo: Name or service not known

PC World

getaddrinfo: Name or service not known

IDG Now!

getaddrinfo: Name or service not known

Info

Invalid feed format.

Mon réseau

Users SL Argentina

redirection forbidden: http://drupal.usla.org.ar/rss.xml -> https://cobalto.gnucleo.net/rss.xml

Tecno Libres - Cubas

redirection forbidden: http://gutl.jovenclub.cu/feed -> https://gutl.jovenclub.cu/feed

Linux Venezuela

Invalid feed format.

GNU/Linux Paranguay

404 Not Found

Soft Libre Honduras

getaddrinfo: Name or service not known

Linux Rep.Dominicana

404 Feed not found error: FeedBurner cannot locate this feed URI.

 Retour à FREE SOFTWAR...
Plein écran

Êxodo em massa de colaboradores do OpenOffice.org para LibreOffice

novembre 2, 2010 0:00 , par Software Livre Brasil - 0Pas de commentaire | No one following this article yet.
Viewed 1704 times

A comunidade OpenOffice.org declarou a independência da Oracle como membros e se uniram ao projeto LibreOffice, uma suite de escritório de código aberto. Em uma carta aberta publicada na lista de discussão  deOpenOffice.org, um grupo de mais de 30 colaboradores afirmaram a sua intenção de abandonar o código base da Oracle em favor de LibreOffice. Eles afirmam que o ambiente da The Document Foundation é mais abrangente e oferece gestão orientado pela comunidade, uma oportunidade para poder avançar no software.

O projeto LibreOffice foi lançado em 28 de setembro passado em meio a preocupações de que a Oracle não iria corrigir os problemas por muito tempo com o processo de desenvolvimento do OOo e modelo de gestão. O novo projeto é apoiado pela The Document Foundation, a nova fundação, que incluem pesos-pesados do mundo Gnu/Linux, como a Red Hat, Novell, Google e Canonical entre os seus apoiadores. O grupo esperava inicialmente que a Oracle iria concordar em participar, mas a gigante do software parece não ter interesse em encontrar um meio termo.

A Oracle insiste em que a participação nos dois projetos representa um conflito de interesse e respondeu para o LibreOffice por forçar aos membros da TDF que têm assento no conselho da comunidade OOo para se demitirem de suas funções eletivas na liderança OpenOffice.org. A atitude intransigente da Oracle já provocou um êxodo em massa de membros da comunidade OpenOffice.org, em grupo de colaboradores independentes para a LibreOffice.

"A resposta para nós desta carta é clara: queremos uma mudança para dar à comunidade, bem como o software que desenvolve a oportunidade de evoluir", a carta aberta, diz. "Por esta razão, a partir de agora vamos apoiar a The Document Foundation e como uma equipe para desenvolver e promover LibreOffice. Esperamos que muitos se juntem a nós nessa jornada."

A Oracle pretende continuar desenvolvendo ativamente o OpenOffice.org, com ou sem o apoio da comunidade. Os desenvolvedores LibreOffice continuará incluindo melhorias realizadas pela Oracle, sempre que possível, mas as estatísticas publicadas recentemente mostram que a maior parte do projeto, o código é proveniente de novos colaboradores, completamente. Como LibreOffice atrai mais desenvolvedores, parece improvável que o OpenOffice.org será capaz de manter o ritmo. Michael Meeks (Novell) destaca algumas das recentes melhorias do LibreOffice, tais como a melhoria da funcionalidade de exportação RTF, publicado recentemente.

A Oracle deixou bem claro que os colaboradores tinham que escolher entre OpenOffice.org e LibreOffice. Em função desse posicionamento sobre escolhas, parece-me que muitos colaboradores estão optando por LibreOffice.

por Ryan Paul
* fonte: ArsTechnica


Les tags de cet article : the document foundation openoffice sun oracle ryan paul tdf furusho libreoffice

0Pas de commentaire

Poster un commentaire

Les champs sont obligatoires.

Si vous vous êtes déjà enregistré(e) comme utilisateur, vous pouvez vous connecter pour être reconnu(e) automatiquement.