Ir para o conteúdo

FISL16

ou

 Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

MIniDebConf acontecerá durante o FISL16 e computadores do evento voltam a ter Debian instalado

4 de Julho de 2015, 15:47 , por Paulo Santana - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 351 vezes

De 26 de maio a 02 de junho de 2004, exatamente uma semana antes da 5ª edição do Fórum Internacional Software Livre - FISL 5, aconteceu no SESC em Porto Alegre a DebConf4, conferência realizada anualmente e intinerante para desenvolvedores e voluntários do Projeto Debian. Além de uma programação ampla com palestras técnicas, sociais e políticas, a DebConf fornece uma oportunidade para que desenvolvedores, colaboradores e outras pessoas interessadas se encontrem pessoalmente e trabalhem juntas.

Segundo o relatório final da DebConf4, o evento contou com a participação de 162 inscritos de 25 países diferentes. Muitos deles permaneceram na cidade após o final do encontro para participarem do FISL 5. Entre os palestrantes destacam-se: Ian Murdock - criador do Debian, e Mark Shuttleworth - proprietário da Canonical.

Este ano, com o apoio da Associação Software Livre.Org, a Comunidade Debian Brasil irá se reunir durante a 16ª edição do Fórum Internacional Software Livre - FISL16, que acontecerá de 08 a 11 de julho na PUCRS, para realizar a 1ª MiniDebconf organizada no Brasil. O encontro tem o objetivo de integrar a Comunidade Debian Brasil, trocar idéias sobre a construção do seu sistema Debian, e incentivar mais brasileiros a participar do projeto.

No dia 10 de julho (sexta-feira), a partir das 10:00h na sala 41D, a MiniDebconf contará com um dia inteiro de palestras sobre o Projeto Debian, e as diferentes formas de colaborar. Haverá palestras sobre gestão de servidores, desenvolvimento, empacotamento, tradução, bem como outras formas de colaboração. Durante os demais dias do FISL16, a Comunidade Debian Brasi também estará reunida em uma bancada na área de comunidades com outras atividades.

O Debian é um projeto internacional com mais de 1.000 colaboradores, que produz o Debian GNU/Linux, uma distribuição GNU/Linux das mais antigas e respeitadas. Com o slogan "O sistema operacional universal", o Debian conta com mais de 20.000 pacotes no seu repositório e possui suporte oficial a 10 arquiteturas de hardware utilizando o kernel Linux, bem como suporte não oficial ao kernel Hurd, do projeto GNU, e ao kernel do FreeBSD.

E ainda, para celebrar a realização da MiniDebConf, a organização do FISL16 decidiu voltar instalar nos computadores do evento a distribuição Debian GNU/Linux.

A programação da MiniDebonConf será a seguinte:

Horário Título Palestrante Descrição
10:00h Debian: o que é, e como funcion. Antonio Terceiro O que é o Debian? Quem pode participar? Como EU posso participar? Qual a diferença entre unstable, testing e stable? Pra que serve o repositório backports? Como o Debian responde a incidentes de segurança? Como é possível desenvolver o maior e melhor sistema operecional que existe sem uma empresa central dando as ordens? Se você está interessado nas respostas para estas e outras perguntas, esta palestra é pra você.
11:00h Não sou programador, como posso ajudar o Projeto Debian? Luiz Eduardo Guarald Essa não é uma palestra técnica, mas visa explicar como o Projeto Debian trabalha em diversas frentes, permitindo que qualquer pessoa ajude com suas aptidões e desejos de trabalho.
12:00h Tradução do Debian para Português do Brasil. Adriano Rafael Gome Esta palestra é uma introdução à tradução do Debian para português do Brasil e um convite para participar da equipe.
13:00h Como se tornar um membro oficial do Debian (DD ou DM. João Eriberto Mota Filho A palestra mostrará como um colaborador do Debian poderá se tornar um Debian Maintainer (DM) ou um Debian Developer (DD). Serão abordados assuntos como a assinatura de chaves GPG, as declarações necessárias e as provas a serem realizadas, dentre outros passos essenciais. O principal objetivo será desmistificar os processos e encorajar as pessoas que queiram participar mais a fundo no projeto. Complementarmente, serão apresentadas outras formas de colaboração para quem quer iniciar e relizar os primeiros trabalhos, visando se tornar membro oficial um dia.
14:00h Empacotamento de software no Debian. João Eriberto Mota Filho Será evidenciada a principal técnica de empacotamento utilizada pela distribuição Debian, que é a Debhelper. A palestra, em grande parte demonstrativa, abordará o processo completo de um empacotamento, mostrando como é gerado um arquivo .deb, seguindo os rigorosos padrões exigidos pelo Debian. Após a demonstração serão apresentados os manuais oficiais sobre o assunto, incluindo o famoso "Guia do Novo Mantenedor", que ensina o passo-a-passo de todos os tipos e situações possíveis de empacotamento. Finalizando, um fluxograma exibirá como qualquer pessoa poderá gerar ou adotar algum pacote e colocá-lo no Debian.
15:00h Dependências de pacotes de código font. Thadeu Lima de Souza Cascard Para permitir que usuários possam alterar o código fonte do software Debian, os pacotes de código fonte devem ser entregues. Os pacotes necessários para compilar um dado pacote seguem o Build-Depends. O menor número de pacotes para o bootstrap de um sistema Debian mínimo exige incríveis 4 a 5 GB de downloads. A sessão pretende demonstrar esse cálculo, mostrar alguns dos resultados, e iniciar discussões sobre como melhor distribuir o código fonte a usuários em eventos como FLISOL, e como reduzir a atual necessidade de pacotes. Ainda abre a discussão sobre como o projeto Debian pode melhor distribuir os pacotes e ambientes para recompilação de pacotes.
16:00h Melhorando o Debian, democratizando a configuração de servidores. Antonio Terceiro Distribuições são excelentes fornecercedores de pacotes, mas a maioria das aplicações web, e aplicações de servidor em geral, são compostas de mais de um pacote e de configurações específicas que não pertencem a nenhum pacote em específico. Esta palestra descreve um projeto em que estou trabalhando para ter uma espécio de "gerenciadore de pacotes" uma camada acima da infrastrutura tradicional de gerenciamento de pacotes. O objetivo final é fazer com que usuários finais interessados em manter os seus próprios servidores possam escolher simplesmente "instalar um servidor de email", ou "instalar um blog", sem precisar de conhecimento técnico especializado pra lidar com todos os detalhes envolvidos.
17:00h Projeto Debile + Experiência no GSo. Lucas Kanashiro Um resumo sobre o projeto Debile e um pequeno relato sobre a minha experiência no Google Summer of Code.
18:00h Perguntas e Repostas sobre o Debian. Todos os palestrantes Tudo que você queria (ou não) saber sobre o Debian, mas não tinha pra quem perguntar.

 

 Além da programação na sala 41D, serão apresentadas algumas mini-palestras na área de comunidades. Veja abaixo a programação:

Quarta-feira (08/07)

  • 12:40 - 13:00
  • Título: Debian pode não ser tão difícil como falam: relatos de utilização
  • Palestrante: Wellton Costa de Oliveira
  • Descrição: Quando se fala em Distribuições GNU/Linux para desktop (ou seja, pra usuário final), se fala logo em Ubuntu, Elementary OS, Linux Mint... "nada de Debian, pois 'debian é dificil'", é o que comentam por aí, o que faz com que um esteriótipo de "não vou fazer conseguir usar" se espalhe de boca em boca. Mas, os tempos são outros, e o Debian cresceu muito no mundo dos Desktop's também. Esta palestra mostra de maneira prática que o Debian pode não ser tão difícil como falam por aí. Uma palestra ótima para quem está querendo migrar para outro sistema operacionais com uma estabilidade de rocha que é usado como servidor mundo à fora.

Sexta-feira (10/07)

  • 13:00 - 13:20
  • Título: Não sou programador, como posso ajudar o Projeto Debian?
  • Palestrante: Luiz Guaraldo
  • Descriçao: Essa não é uma palestra técnica, mas visa explicar como o Projeto Debian trabalha em diversas frentes, permitindo que qualquer pessoa ajude com suas aptidões e desejos de trabalho.

Sábado (11/07)

  • 10:00 - 10:20
  • Debian - O SO mais próximo de 100% livre (quase uma Distro GNU), não limitado ao Kernel Linux e que roda com GNU Hurd
  • Palestrante: Wellton Costa de Oliveira
  • Descrição: Quando se fala de sistemas operacionais (tirando Windows, MacOSX e Solaris), caímos em Sistemas Livres como os com kernel BSD, como OpenBSD, FreeBSD, netBSD... e com Kernel Linux, entre os mais famosos, Ubuntu, Fedora, Linux Mint, ElementaryOS, Debian, entre outros... Entre esses SO's, se destaca o Debian por quatro características fundamentais: 1) O Debian é um sistema 100% livre. Se não contar o servidor contrib e non-free, ele é praticamente uma distro GNU, ousando até afirmar que ele seja a distro mais livre tirando as distro GNU. 2) O Debian não se limita ao kernel Linux, podendo rodar com o kernel o FreeBSD (kFreeBSD) e com o micro-kernel do GNU, HURD. 3) É um sistema que não tem uma empresa por trás, diferente do Ubuntu, que tem a Canonical, do Fedora, que tem a Red Hat, e do OpenSuse, que tem a Novell. 4) é um dos sistemas mais estáveis e seguros do mundo, rodando em servidores da NASA e Google, por exemplo, que necessitam de sistemas operacionais confiáveis, rápidos e estáveis. A palestra também aborda um pouco da experiência do novo Debian (Jessie) no FLISOL Francisco Beltrão/PR.

 


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.


<script src="https://s7.addthis.com/js/152/addthis_widget.js"></script>