Ir para o conteúdo
ou

Software livre Brasil

Feed Lista de Discussão

SSL_connect returned=1 errno=0 state=error: certificate verify failed

Acervo Livre

redirection forbidden: http://estudiolivre.org/el-gallery_rss.php?ver=2 -> https://estudiolivre.org/el-gallery_rss.php?ver=2

Wiki Estúdio Livre

redirection forbidden: http://estudiolivre.org/tiki-wiki_rss.php?ver=2 -> https://estudiolivre.org/tiki-wiki_rss.php?ver=2

Fórum Estúdio Livre

redirection forbidden: http://estudiolivre.org/tiki-forums_rss.php?ver=2 -> https://estudiolivre.org/tiki-forums_rss.php?ver=2

O objetivo principal da comunidade Estúdio Livre é pesquisar, documentar, experimentar, produzir e desenvolver mídias livres, além de auxiliar e incentivar a produção e a circulação de bens culturais livres, ou seja, de obras que podem ser distribuídas, remixadas e retransmitidas livremente de forma legal e sem qualquer tipo de restrição ao seu acesso.

Tela cheia

Entrevista com Idelber Avelar sobre o AI-5 Digital

2 de Junho de 2009, 0:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 769 vezes

Entrevista com Idelber Avelar sobre o AI-5 Digital

Cliquem aqui para acompanhar a entrevista do professor de literatura latina da Tulane University (New Orleans), Idelber Avelar, à TV Assembleia de Minas Gerais. Idelber Avelar é o criador do blog O Biscoito Fino e a Massa, que discute futebol, política e literatura e é um dos mais influentes formadores de opinião dentre os usuários da rede. Nesta entrevista, ele fala sobre o projeto de lei do senador Eduardo Azeredo conhecido como PL Azeredo ou AI-5 Digital. Pela proposta, que está em tramitação no Congresso, práticas comuns na internet podem ser criminalizadas. Baixar músicas em MP3 pode dar cadeia se o projeto for aprovado. Veja mais detalhes sobre o que pode acontecer caso o projeto seja aprovado no blog do advogado Túlio Vianna.

Entrevista com Idelber Avelar sobre o AI-5 Digital


0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.