Ir para o conteúdo
 

Blog RSS feed

ou

 Voltar a Blog
Tela cheia Sugerir um artigo

#dilmanarede apoia e usa o software livre Noosfero

21 de Setembro de 2010, 0:00 , por Software Livre Brasil - 0sem comentários ainda | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 1991 vezes

O presidente Lula já declarou apoio ao uso do software livre. A futura presidente Dilma também. Seguindo a diretriz dos nossos representantes, a #dilmanarede (rede de apoio a Dilma Russeff) usa a plataforma web para redes sociais chamada Noosfero, um software livre genuinamente brasileiro, desenvolvido pela Colivre - Cooperativa de Tecnologias Livres da Bahia.

O Noosfero possui as funcionalidades de blog, e-portfolios, CMS, RSS, discussão temática e agenda de eventos num mesmo sistema. E como todo software livre, pode ser redistribuído sem restrições. Qualquer pessoa pode usar, baixar, distribuir, modificar. Além da #dilmanarede, o software serve de plataforma web para inúmeros sites, entre eles, as redes de cultura Fora do Eixo e Kliceo, por exemplo.

"A campanha da Dilma adotar uma plataforma livre é de extrema importância porque sinaliza a proposta dela de valorizar soluções em software livre, e desenvolvidas no Brasil. Acho que o mais bacana e interessante é a comunicação horizontal, os militantes terem condições de participar diretamente da campanha, através de artigos, vídeos, fotos e do que mais seja. E o pós-campanha ainda vai permitir que a militância participe ativamente do governo", considera Vicente Aguiar, sócio fundador, gestor de projetos da Colivre e membro da equipe Noosfero.

Os números comprovam que a #dilmanarede é sucesso na web. Com pouco mais de um mês no ar, a rede social de apoio a Dilma tem 140 comunidades e 2.500 internautas cadastrados. Os canais de áudio e vídeo foram reproduzidos em pelo menos 670 páginas diferentes. Os conteúdos apresentados receberam mais de 130 mil visualizações.

Fonte: #Dilmanarede

Para mais detalhes: veja o case da Colivre "#dilmanrede fez história"


Tags deste artigo: eleições cases dilmanarede noosfero dilma 2010

0sem comentários ainda

Enviar um comentário

Os campos são obrigatórios.

Se você é um usuário registrado, pode se identificar e ser reconhecido automaticamente.